Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Beira – DESORGANIZAÇÃO NA ESCOLA AGOSTINHO NETO

Ao contrário de outras assembleias de voto, a que funcionou na Escola Primária Agostinho, na baixa da cidade da Beira, mostrou que os respectivos membros de mesas não conseguiram organizar os eleitores que a todo custo pretendiam ser os primeiros a exercerem o direito de voto. Nesta assembleia a fúria dos eleitores devido ao atraso na abertura das mesas fez com que os mesmos amolgassem as grades do portão principal, bem assim a destruição de alguns vidros do estabelecimento.

A nossa Reportagem conversou com alguns eleitores, que de forma unânime afirmaram que a questão organizacional estava a manchar o processo.

Sonia da Conceição, eleitora que exerceu seu voto na Agostinho Neto disse estar satisfeita por ter exercido o seu direito como cidadã moçambicana, mas precisou que a organização das bichas devia ter sido melhorada para atender melhor os eleitores e evitar a aglomeração de votantes.

Apolinário Langa, docente referiu também estar deveras satisfeito pelo facto de ter cumprido uma parte do direito da cidadania, apelando aos outros a seguir seu caminho. “A organização está minimamente boa, só que no princípio havia uma bicha única e isso manchou um pouco o processo, mas agora a situação está normalizada” – indicou Langa.

Uma outra eleitora que responde pelo nome Augusta Chabuca disse ter realizado o direito da cidadania apesar de ter ficado muito tempo na bicha. “Numa primeira fase a organização não estava boa, porque muita gente queria ser o primeiro e isso atrapalhou os membros de assembleias de voto”.

Entretanto, um outro eleitor, cuja identidade não revelou explicou a nossa Reportagem que até volta das 10.30 a mesa com o número 0037 que funciona na Escola Primária Heróis Moçambicanos, nos Pioneiros, não tinha ainda sido aberta, situação que embaraçou os votantes inscritos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!