Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Bandidos invadem residência em Maputo e matam uma mulher

Uma cidadã cuja identidade não foi revelada pela Polícia foi brutalmente espancada até à morte por três indivíduos, na passada quarta-feira (17), na casa onde trabalhava como empregada doméstica, no bairro do Zimpeto, na capital moçambicana.

Segundo o @Verdade apurou, os malfeitores, munidos de armadas brancas e instrumentos contundentes, irromperam pela residência, dominaram a malograda e submeteram-na a maus-tratos como forma de obrigá-la a revelar onde, provavelmente, os patrões teriam guardado dinheiro e outros bens valiosos.

De acordo com Orlando Modumane, porta-voz do Comando da Polícia da República de Moçambique (PRM) na cidade de Maputo, caso deu-se por volta das 08h00 da manhã. Os bandidos “agrediram a cidadã até à morte e apoderaram-se de vários bens que foram recuperados num esconderijo no bairro de Boquisso”, no município de Matola.

Dois indivíduos foram detidos em conexão com este acto, estando os agente da Lei e Ordem no encalço do terceiro elemento da quadrilha.

Num outro diapasão, Modumane disse que, para além deste crime, os furtos em residências, em estabelecimentos comerciais e na via pública continuam preocupantes em Maputo, na medida em que, de 15 a 21 de Agosto em curso, foram registados 16 casos.

Destas situações, seis aconteceram em domicílios, quatro na via pública e igual número em lojas e foram protagonizados com recursos a instrumentos contundentes. Em conexão com estas práticas, 16 pessoas encontram-se privadas de liberdade.

Modumane apelou aos munícipes para que revejam e redobrem as mediadas de segurança nas suas casas, bem como quando se fazem à via pública.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!