Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Cidadão encontrado morto na Beira e presume-se que foi linchado

Mais um indivíduo de aparentemente 20 anos de idade foi encontrado morto num terreno baldio, no último sábado (20), na cidade da Beira, província de Sofala, e suspeita-se que tenha perdido a vida nas mãos de populares, uma vez que, supostamente, perpetrava assaltos na via pública e agredia fisicamente as suas vítimas.

O caso deu-se de madrugada, no bairro da Ponta-Gea e ninguém assumiu ter presenciado a morte do finado. Porém, acredita-se que o mesmo tenha sido linchamento, porque apresentava escoriações no corpo e inchaço na nuca.

Esta é 16ª vítima de linchamento registada desde Janeiro deste ano, naquela urbe. Ao lado do cadáver foram achados alguns paus, presumivelmente usado para os maus-tratos a que o malogrado foi submetido.

Não foi possível apurar a identidade do malogrado, que segundo os moradores daquela zona já esteve detido por cometer vários assaltos.

O administrador da Beira, João Oliveira, disse que é condenável que cidadãos recorram à justiça pelas próprias mãos para resolver litígios nas suas comunidades.

Segundo o dirigente, ninguém deve se passar por agente da Polícia, juiz ou procurador sem sê-lo, arrogar-se o direito de sentenciar alguém à morte, seja qual for a situação, pelo que “sempre que houver problemas devemos encontrar mecanismos de nos comunicarmos com as autoridade”.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!