Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Aumenta produção da batata mas falta mercado em Sofala

A produção de batata-reno aumentou substancialmente na província de Sofala, Centro de Moçambique, mas os agricultores estão preocupados com a falta de mercado para a sua comercialização.

Segundo a edição da Terça-feira do jornal “Notícias”, a falta de mercado poderá estar aliada a intensa produção desta cultura pelo sector familiar de Sofala, associada ao aumento das importações de batata produzida nos países vizinhos.

A maior parte da produção foi registada ao longo da bacia do rio Zambeze, nomeadamente nos distritos de Chemba, Caia, Cheringoma.

A produção destes distritos adiciona-se a já conhecida do distrito de Gorongosa. O chefe dos Serviços Distritais de Actividades Económicas em Cheringoma, Pedro Cofe, referiu que, neste momento, as zonas de produção estão a ressentir-se do problema de falta de mercado.

Para minimizar esta situação, alguns agricultores transportam a sua produção em camiões e circulam pelos principais áreas de maiores aglomerados populacionais a procura de clientes, estratégia que constitui uma forma nova de fazer negócio em Sofala.

A produção da batata-reno na província em grande escala foi incentivada pelo Governo liderou o processo de importação de semente da vizinha África do Sul.

Os resultados das primeiras colheitas encorajaram os agricultores, alguns dos quais melhoraram as suas habitações e adquiriram meios circulantes com os rendimentos obtidos da comercialização da batata.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!