Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Areeiros desviam o curso normal do rio incomati

Os exploradores da areia grossa, no distrito da Moamba, província de Maputo, Sul de Moçambique, estão a desviar o curso normal do rio Incomati, dificultando a prática da actividade agrícola nos regadios que se encontram ao redor, entre outros males.

Esta situação, segundo a Administradora distrital, Maria Manjate, está a provocar uma baixa dos níveis do rio e a criar problemas na irrigação dos campos agrícolas.

Citada pelo Diário de Moçambique, na sua edição da Quinta-feira, Manjate explicou que os areeiros fazem escavações enormes no meio do rio para retirar a areia grossa, bastante procurada para a construção civil na cidade e província de Maputo, o que faz com que as águas se concentrem nesses buracos.

A fonte disse que devido a este facto alguns camponeses, como os do “Bloco 1”, foram obrigados a trabalhar numa área bastante reduzida e mesmo assim tiveram dificuldades para irrigar os campos.

Dos mais de 485 hectares de terra irrigável existentes no “Bloco 1”, a associação dos camponeses daquele ponto do país teve que trabalhar em apenas cem hectares.

Moamba é um dos distritos da província de Maputo com grandes potencialidades para a produção agrícola de sequeiro e de rendimento.

Neste momento, o distrito produz culturas tais como batata, hortícolas, milho, feijões, entre outros produtos agrícolas, e tem potencial na produção de gado bovino e ovino.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!