Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Agostinho Chaúque abatido pela polícia

A Polícia Moçambicana (PRM) ao nível da capital do país, a cidade de Maputo, confirmou segunda-feira a morte de Agostinho Chaúque, um perigoso cadastrado, ocorrida durante uma troca de tiros na noite de domingo.

Chaúque foi encontrado morto no interior de uma viatura estacionada nas proximidades do centro comercial “Shoprite” na Matola, capital da província sulista de Maputo. A morte deste perigoso cadastrado foi anunciada pelo porta-voz do Comando da PRM na cidade de Maputo, Arnaldo Chefo, em conferência de imprensa, comprovando assim informações avançadas pela Televisão de Moçambique (TVM), na manhã de segunda-feira.

“A PRM surpreendeu ontem, cerca das 20 horas, no bairro Polana-Cimento, um grupo de cinco indivíduos que se fazia transportar em duas viaturas e chegados num ponto ameaçaram um cidadão a quem queriam arrancar a sua viatura. Contudo, minutos mais tarde houve intervenção da polícia para proteger o cidadão que era vítima deste grupo”, disse Chefo.

O porta-voz da PRM explicou que seguiu-se uma troca de tiros durante a qual dois dos meliantes foram atingidos e imediatamente socorridos pelos restantes, tendo conseguido desaparecer do local. Horas mais tarde, a polícia veio a tomar conhecimento que havia um corpo sem vida, no interior duma viatura de marca “Toyota Corola”, na província de Maputo, e no local dados preliminares deram indicações que se tratava do corpo de Chaúque.

“Quando a polícia tomou conhecimento da existência de um corpo sem vida deslocou-se para o local e feito o exame rápido e dados preliminares indicam que estamos perante Agostinho Chaúque, que era procurado pela PRM”, disse Chefo.

Entretanto, Chefo afirmou que prosseguem diligências para a captura dos restantes membros da quadrilha que têm vindo a aterrorizar a cidade de Maputo, incluindo um indivíduo que também foi baleado juntamente com Chaúque e que continua a monte. Os crimes cometidos por Chaúque incluem homicídios, assalto a bancos a mão armada, entre outros.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!