Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Adolescente detida em Tete por infanticídio

Uma adolescente de 17 anos de idade, cuja identidade não apurámos, está a contas com a Polícia da República de Moçambique (PRM), acusada de atirar o seu bebé numa latrina, na cidade de Tete, província do mesmo nome.

O infanticídio aconteceu no bairro Mateus Sansão Muthemba e foi denunciado pelos vizinhos, que encontraram o nado morto na latrina da casa onde a indiciada vive com um tio.

A rapariga considera-se inocente e disse que não atirou o nado deliberadamente. De acordo com ela, por volta das 04h00 de madrugada sentiu dores de barriga e dirigiu-se à casa de banho.

“Sentei na latrina e, de repente, senti uma coisa a sair e caiu na latrina. Não percebi o que se passava comigo naquele momento, mas senti que não tinha mais bebé. Voltei para dentro, não avisei ao meu tio e dormi”, contou a adolescente.

Na capital moçambicana, uma outra jovem de 29 anos de idade está também presa por roubo de um bebé algures na província de Inhambane, supostamente para satisfazer o desejo do seu marido de ser pai.

Segundo as autoridades policiais, a criança pertence à prima da acusada, residente naquele ponto do país. O marido ainda teria preparado um convívio com familiares e amigos para celebrar o nascimento do filho, mas tudo não passou de sol de pouca dura porque os parentes da criança descobriram e comunicaram a Polícia.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!