Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Acidentes de viação em Maputo deixam três mortos e cincos feridos graves na sala de reanimação

Três pessoas morreram, 11 ficaram gravemente feridas, das cinco na sala de reanimação do Hospital Central de Maputo (HCM), e 25 tiveram traumas ligeiras, em virtude 13 acidentes de viação, ocorridos na semana finda, na capital moçambicana, devido à inobservância das regras de trânsito e desrespeito das normas previstas no Código da Estrada.

O número de feridos graves aumentou 13 vezes e o de traumas ligeiros sete vezes em relação a igual período do ano passado.

“Infelizmente continuamos a registar muitos acidentes de viação, sobretudo do tipo atropelamento carro-peão” e que na pior da hipóteses “ceifam vidas e deixam muita gente mutilada”, afirmou o porta-voz da Polícia da República de Moçambique (PRM), Orlando Mudumane, a nível da cidade de Maputo, no habitual briefing à imprensa.

Os sinistros rodoviários foram do tipo atropelamento carro-peão, colisão entre viaturas, choque entre carros e moto e contra um obstáculo fixo. Por sua vez, a Polícia de Trânsito (PT) fiscalizou 3.090 veículos, tendo apreendido 47 delas por várias irregularidades, confiscou 37 cartas de condução e emitiu 1.247 avisos de multas.

Enquanto isso, pelo menos 53 automobilistas foram punidos por se fazerem ao volante “sob forte efeito de álcool”, de um total de 147 submetidos ao teste de alcoolemia.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!