Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Xiconhocas da semana: Tarissai Chimera; Gestores da empresa “Novos Horizontes”; Amado Caisse

Xiconhocas da semana: Lizha James; Atanásio M’Tumuke; Standard Bank

Os nossos leitores elegeram os seguintes Xiconhocas na semana finda:

Tarissai Chimera

Prisão é um castigo insignificante para indivíduos como Tarissaí Chimera. O sujeito em alusão violou sexualmente a irmã da sua esposa, na residência onde vivem há cerca de um ano no município de Catandica, no distrito de Bárue, na província de Manica. O Xiconhoca foi detido, mas poderá ficar impune porque só 48 horas após o crime, que tudo indica não ser a primeira vez que acontece, é que a vítima recebeu atendimento médico o que indicia a falta de provas para a instrução do respectivo processo criminal.

Gestores da empresa “Novos Horizontes”

Pelo andar da carruagem, tudo indica que deixamos de ser um país normal. Por exemplo, um indivíduo apenas identificado por Abílio, de aproximadamente 34 anos de idade, perdeu a vida na última segunda-feira (11), no distrito de Rapale, vítima de electrocussão em pleno trabalho numa empresa de criação de galinhas, denominada “Novos Horizontes”. Trata-se da quarta morte na mesma companhia. O mais preocupante nesta história é o silêncio cúmplice do Governo perante tamanha negligência.

Amado Caisse

O cidadão Amado Caisse é um Xiconhoca da pior espécie. O sujeito, funcionário do aparelho do Estado, afecto no Centro de Saúde de Mecubúri na província de Nampula, onde exerce funções de farmacêutico, decidiu abandonar o lar em Maio de 2015 deixando à sua sorte a esposa e os filhos menores Caisse e Absalone, de quatro anos de idade. Não obstante um dos filhos ser deficiente físico e que precisa de uma maior atenção, o Xiconhoca continua a fugir das suas responsabilidades paternais.

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!