Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Vandalizada casa de suposta raptora de menores

Um grupo de populares do bairro da Liberdade, Município da Matola, Sul de Moçambique, invadiu, saqueou e vandalizou uma residência pertencente a uma suposta raptora de menores. A proprietária dessa residência, cujo nome não se apurou, é acusada de raptar menores que depois os trafica para a vizinha Africa do Sul, segundo escreve o jornal “Notícias” de quarta-feira.

Contudo, quando chegaram a residência da suposta criminosa, ela não estava no local, admitindo-se a hipótese de se encontrar algures no bairro das Mahotas, no vizinho Município de Maputo, praticando mais um negócio de que é acusada. Apesar disso, os populares invadiram a casa e saquearam diversos móveis como electrodomésticos.

Outros ainda se apoderaram de parte das viaturas que na altura se encontravam parqueadas na garagem. Momentos depois, a Policia moçambicana (PRM) fez-se ao local, mas não chegou a altura de evitar a destruição e pilhagem dos bens da cidadã, cuja casa já se encontrava em chamas.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!