Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Vandalizada casa de suposta raptora de menores

Um grupo de populares do bairro da Liberdade, Município da Matola, Sul de Moçambique, invadiu, saqueou e vandalizou uma residência pertencente a uma suposta raptora de menores. A proprietária dessa residência, cujo nome não se apurou, é acusada de raptar menores que depois os trafica para a vizinha Africa do Sul, segundo escreve o jornal “Notícias” de quarta-feira.

Contudo, quando chegaram a residência da suposta criminosa, ela não estava no local, admitindo-se a hipótese de se encontrar algures no bairro das Mahotas, no vizinho Município de Maputo, praticando mais um negócio de que é acusada. Apesar disso, os populares invadiram a casa e saquearam diversos móveis como electrodomésticos.

Outros ainda se apoderaram de parte das viaturas que na altura se encontravam parqueadas na garagem. Momentos depois, a Policia moçambicana (PRM) fez-se ao local, mas não chegou a altura de evitar a destruição e pilhagem dos bens da cidadã, cuja casa já se encontrava em chamas.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!