Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Vale poderá explorar fosfato em Monapo

A Vale, companhia de capitais brasileiros com investimentos na área de carvão mineral em Moçambique, poderá passar a explorar as minas de fosfato localizadas no distrito de Monapo, província de Nampula, norte do país.

Segundo o director nacional de Minas, Eduardo Alexandre, esta empresa realizou algumas pesquisas com vista a verificar a ocorrência deste precioso minério em Monapo e a empresa “ficou satisfeita com os resultados”. Citado pelo “Diário de Moçambique”, edição de quarta-feira, Alexandre disse que, ainda este ano, a Vale vai submeter ao Governo um projecto para a realização de um estudo de viabilidade de modo a iniciar-se com os trabalhos em 2011.

De acordo com o cronograma das actividades, a exploração deste minério só poderá arrancar em 2014. Vale é uma das empresas envolvidas na exploração de um dos maiores depósitos mundiais de carvão mineral localizados em Moatize, província central de Tete.

 Alexandre não especificou o investimento para o projecto de fosfato, mas referiu que “em termos de dimensão, será tão grande quanto os de carvão de Moatize e Benga”. O fosfato tem uma larga e elevada aplicação no campo agrícola, porque faz parte da composição dos fertilizantes utilizados para aumentar os níveis de produção.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!