Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Menor desaparece em Maputo e dois são resgatados com vida

Um jovem de 19 anos de idade, cujo nome não foi identificado, desapareceu na Praia da Costa do Sol em Maputo, vítima de afogamento, e dois menores, que respondem pelo nomes de Jossias José, de nove anos de idade, e Rosa Carlos, de 14 anos de idade, foram resgatados com vida, na segunda-feira (24).

Em consequência do calor abrasador que se fez sentir neste dia, à semelhança de domingo (23) e outros dias, vários banhistas fizeram-se à Praia da Costa do Sol, onde há perigo supostamente em virtude das obras de reabilitação da Avenida da Marginal.

Consta que os construtores da via fizeram escavações em certas zonas reservadas ao mergulho, com o intuito de obter areia e introduziram pedregulhos nas mesmas covas, mas, em contrapartida, não foi colocada nenhuma sinalização nos lugares de perigo, pese embora sejam frequentados por banhistas.

O Serviço Nacional de Salvação Pública (SENSAP) disse que Jossias José, residente no bairro da Polana Caniço, em Maputo, afogou-se por voltas das 14h00. Rosa Carlos, que vive no bairro da Maxaquene, afogou-se por volta das 15h:30h. Os bombeiros agiram a tempo de evitar uma tragédia.

A terceira vítima, dada como desaparecida até à publicação deste texto, é um jovem de 19 anos de idade cuja origem ainda é desconhecida, segundo Gregório Estêvão, porta-voz do SENSAP. “As operações continuam com vista à localização do desaparecido”.

A SENSAP apela aos pais e encarregados de educação para que não deixem os filhos se dirigem à praia sozinhos. Refira-se que em menos de uma semana, houve sete vítimas de afogamento e mortes naquela praia.

De há semanas para cá, a Praia da Costa do Sol tem sido um lugar de morte. Na semana passada, quatro jovens perderam a vida por afogamento numa zona da praia onde os empreiteiros abriram covas e depois não as taparam nem colocaram sinalização de perigos.

Na tarde de sábado (15), um adolescente de 14 anos de idade, que em vida respondia pelo nome de Joaquim Armando, morreu afogado na praia da Costa de Sol, segundo o porta-voz do O Serviço Nacional de Salvação Pública, Gregório Estevão. O corpo da vítima foi achado na manhã da última segunda-feira (17), a flutuar.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!