Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Tufão mata mais de 250 pessoas no sul das Filipinas

Mais de 250 pessoas morreram e quase o dobro disso desapareceu após um tufão passar no sul das Filipinas e causar enchentes e deslizamentos de terra, obrigando milhares de pessoas a deixarem suas casas. O tufão Washi, com ventanias de até 90 quilômetros por hora, atingiu a ilha de Mindanao na noite de sexta-feira, trazendo chuva forte, impedindo decolagens de voos domésticos e deixando grandes áreas sem energia.

De acordo com a Cruz Vermelha Nacional Filipina (CVNF), 256 pessoas foram mortas pelas enchentes em Mindanao e em outra ilha. Soldados e policiais estavam recuperando mais corpos que foram arrastados para a praia de cidades das redondezas.

“O número de mortos ainda pode subir, porque ainda há muitas pessoas desaparecidas”, disse a secretária-geral da CVNF, Gwendolyn Pang. Ela disse que as áreas mais afetadas estavam nas cidades de Iligan e Cagayan de Oro. Quase 400 pessoas estavam desaparecidas, a maioria na vila costeira de Iligan.

Casas foram varridas para o mar pelas enchentes enquanto os moradores dormiam. Os últimos números da Cruz Vermelha colocam o total de mortos de Iligan em 144. Outras 86 pessoas foram mortas em Cagayan de Oro, entre elas muitas crianças. Cinco mineradores morreram após um deslizamento em Monkayo e outras 21 pessoas se afogaram na ilha central de Negros, segundo a CVNF.

O governo das Filipinas informou que cerca de 100 mil pessoas estavam desabrigadas e que foram levadas a mais de uma dúzia de abrigos em Iligan e Cagayan de Oro.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!