Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Tentativa de sequestro em Maputo; Cidadão intervém com arma e salva vizinha

Um grupo de quatro criminosos tentou raptar uma cidadã moçambicana cerca das 19 horas desta segunda-feira na avenida Tomás Nduda, no bairro da Polana Cimento na cidade de Maputo. A pronta intervenção de um vizinho, que disparou sobre os meliantes, salvou a empresária de origem asiática.

Quando regressavam a sua residência duas cidadãs foram interpeladas por quatro malfeitores, que as seguiam numa viatura ligeira de marca Toyota.

Os bandidos cercaram a viatura ligeira onde seguiam Farida Camurdine, ao que tudo indica esposa do proprietário da empresa Socimpex – uma importadora de bens de consumo localizada em Maputo – e a irmã Maria Nucha Amad, enquanto um imobilizava a cidadã que seguia no lugar do passageiro outro meliante retirou a cidadã que vinha ao volante, depois de disparar, ao que tudo indica uma arma do tipo AK47, para intimidar os vários guardas das residências ao redor do local do crime.

Os bandidos arrastaram a cidadã para a sua viatura e, quanto a tentavam sequestrar um cidadão, vizinho (segundo informação não oficial um funcionário do Ministério da Justiça), apercebendo-se da situação, pegou na sua arma, também uma AK 47 e disparou para a viatura do meliantes.

Houve uma troca de tiros e os criminosos acabaram por por-se em fuga.

A cidadã que foi arrastada pelos sequestradores foi ferida nos seus membros inferiores e está receber tratamento num Hospital privado, localizado na avenida Julius Nyerere.

A outra vítima ficou ligeiramente ferida num dos pés.

 

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!