Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Tensão no centro do pais: “Não procurar culpados mas encontrar soluções”

O académico moçambicano, Brazão Mazula, entende que, perante a crise que se instalou na zona centro do país, em particular na região de Muxúnguè, província de Sofala, mais do que procurar culpados pela situação, o que deve ser feito é encontrar soluções para o problema. “Não nos devemos preocupar só em encontrar os culpados, mas sim, com humildade, encontrar soluções”.

Brazão Mazule falava esta terça-feira (09), em Maputo, na abertura de um evento do Observatório Eleitoral, tendo sublinhado, na ocasião, que não existe problema cuja solução supere as capacidades de uma sociedade “Os problemas podem ser maiores para um grupo restrito de pessoas, mas não para a sociedade”.

Diante dessa exposição, é injustificável, segundo ele, que num universo de cerca de 22 milhões de pessoas não se encontre a solução para esse problema. O académico apelou a humildade de todos na “busca de uma luz que ilumine a resolução deste problema”.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!