Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Tensão na África do Sul após confrontos entre polícias e civis

A cidade sul-africana de Sasolburg, em Free State, voltou a registar, esta Quarta-feira (23), vivas tensões depois de dois dias de batalhas campais entre a Polícia e os habitantes que fizeram pelo menos dois mortos entre os manifestantes, enquanto 200 outros foram detidos.

Os confrontos estão concentrados no subúrbio de Zamdela, mas receia-se que eles possam estender-se a outros bairros da cidade. Os habitantes deste bairro protestam contra a fusão da municipalidade de Matsimaholo, de Sasolburg, com a de Ngwathe, perto de Parys, onde há graves problemas na prestação de serviços.

No entanto, o ministro dos Assuntos Públicos e Governação Cooperativa, Richard Baloyi, anunciou, Terça-feira (22), que a fusão seria anulada.

O Congresso Nacional Africano (ANC), o partido no poder, apelou à calma, indicando que respeitava os direitos de todos os cidadãos a exprimir o seu ponto de vista sobre as questões que lhes dizem respeito.

“Contudo, somos contra qualquer forma de violência, de intimidação e de destruição de bens públicos e privados. A nossa principal preocupação são as actividades delituosas, como a pilhagem das lojas. O que não afecta simplesmente os comércios, mas igualmente os residentes inocentes”, declarou o porta-voz do ANC, Jackson Mthembu.

Ele felicitou o Governo e as forças da ordem pela sua intervenção rápida, declarando “que não se pode permitir numa democracia moderna como a nossa que pessoas com motivações inconfessas aproveitem uma manifestação pacífica para praticar actos criminosos”.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!