Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Tensão na África do Sul após confrontos entre polícias e civis

A cidade sul-africana de Sasolburg, em Free State, voltou a registar, esta Quarta-feira (23), vivas tensões depois de dois dias de batalhas campais entre a Polícia e os habitantes que fizeram pelo menos dois mortos entre os manifestantes, enquanto 200 outros foram detidos.

Os confrontos estão concentrados no subúrbio de Zamdela, mas receia-se que eles possam estender-se a outros bairros da cidade. Os habitantes deste bairro protestam contra a fusão da municipalidade de Matsimaholo, de Sasolburg, com a de Ngwathe, perto de Parys, onde há graves problemas na prestação de serviços.

No entanto, o ministro dos Assuntos Públicos e Governação Cooperativa, Richard Baloyi, anunciou, Terça-feira (22), que a fusão seria anulada.

O Congresso Nacional Africano (ANC), o partido no poder, apelou à calma, indicando que respeitava os direitos de todos os cidadãos a exprimir o seu ponto de vista sobre as questões que lhes dizem respeito.

“Contudo, somos contra qualquer forma de violência, de intimidação e de destruição de bens públicos e privados. A nossa principal preocupação são as actividades delituosas, como a pilhagem das lojas. O que não afecta simplesmente os comércios, mas igualmente os residentes inocentes”, declarou o porta-voz do ANC, Jackson Mthembu.

Ele felicitou o Governo e as forças da ordem pela sua intervenção rápida, declarando “que não se pode permitir numa democracia moderna como a nossa que pessoas com motivações inconfessas aproveitem uma manifestação pacífica para praticar actos criminosos”.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!