Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Sul dos EUA começa a limpar danos de tempestades que deixaram 14 mortos

Equipes de emergência começaram nesta quinta-feira a limpar os muitos danos deixados por tempestades severas que provocaram tornados em seis estados do sul e centro-oeste dos Estados Unidos da América, matando pelo menos 14 pessoas e destruindo várias casas. Foram declarados estados de emergência no Mississippi e no Tennessee, os dois Estados mais atingidos pelas condições do tempo na quarta-feira, que também complicaram a viagem das pessoas que pretendiam aproveitar o feriado prolongado.

Com uma expectativa de cerca de 100 milhões de norte-americanos a viajarem no feriado de Natal, a maior parte de carro, a previsão do Serviço Nacional de Meteorologia detectou tempestades severas da região do meio-Atlântico até a costa do Golfo e calor recorde em Nova York.

As tempestades de quarta-feira provocaram mais de 20 tornados em Arkansas, Illinois, Indiana, Mississippi, Tennessee e Michigan, segundo autoridades.

Um grande tornado destruiu um trecho de 160 km no norte do Mississippi, demolindo ou provocando sérios danos a mais de cem casas e outros prédios, afirmaram as autoridades.

O governador do Mississippi, Phil Bryant, declarou estado de emergência em áreas afetadas, dizendo que 14 tornados atingiram o Estado. Ele afirmou que sete pessoas morreram e uma estava desaparecida. “Todos estão a unir-se aqui no Mississippi hoje para ajudar na resposta a esse desastre”, disse ele à CNN.

Autoridades do Estado disseram que 40 pessoas ficaram feridas em seis condados e que um menino de sete anos estava entre os mortos.

Seis mortes relacionadas à tempestade foram registadas pelas autoridades do Tennessee, e uma mulher de 18 anos foi morta no Arkansas, quando uma árvore caiu sobre a sua casa, de acordo com autoridades.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!