Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Subsídios do Banco Mundial pagos até finais do 1° trimestre de 2011

Os subsídios pagos pelo Banco Mundial (BIRD) a pequenas e médias empresas moçambicanas deverão ser pagos até finais do primeiro trimestre de 2011, num valor global de 25 milhões de dólares norte-americanos.

Eles têm em vista aumentar a competitividade do empresariado moçambicano, segundo Sérgio Macamo, coordenador do Projecto de Apoio à Competitividade e Desenvolvimento do sector Privado (PACDE) do Ministério da Indústria e Comércio.

Falando ao Correio da manhã, Macamo disse que o Executivo poderá apoiar aquele grupo de empresas com cerca de 70% do custo total de projectos inovadores destinados a unidades económicas de categoria micro, enquanto as pequenas e médias empresas poderão beneficiar de subsídios até 50%.

As acções concretas a serem desenvolvidas com aqueles fundos incluem formação, capacitação e consultoria das unidades económicas beneficiárias, de acordo igualmente com Sérgio Macamo, realçando, contudo, que só poderão beneficiar daqueles incentivos empresas legalmente registadas e a operar no sector produtivo, por ser a área em que Moçambique pode “ganhar mais vantagens económicas com a sua integração na SADC”.

O retorno que se pretende não é de índole financeira, “mas assegurar o mercado da SADC para comercialização de mais produtos moçambicanos”, salientou o informante do Cm, destacando que, embora Moçambique esteja aberto a grandes projectos de investimento, “são pequenas e médias empresas que geram mais emprego e garantem bemestar socioeconómico da maioria dos moçambicanos”.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!