Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Standard Bank premeia campeões do Moçambola

Standard Bank premeia campeões do Moçambola

Foto de Fim de SemanaO Standard Bank premiou na sexta-feira, 2 de Fevereiro, as equipas da União Desportiva de Songo e o Costa do Sol, campeão e vice-campeão, respectivamente, da edição 2017 do Moçambola, a maior prova futebolística do País, organizada pela Liga Moçambicana de Futebol (LMF).

Os prémios, no valor de 600 mil meticais para a União Desportiva de Songo e 150 mil para o Costa do Sol, foram entregues durante a Gala Moçambola 2018 e inserem-se no âmbito do apoio que o Standard Bank tem prestado ao desporto nacional, no geral, e a esta prova, em particular.

Este apoio, que o Standard Bank presta ao Moçambola desde 2009, no quadro da sua responsabilidade social corporativa, visa ajudar o futebol nacional a crescer e a profissionalizar-se.

De acordo com António Macamo, membro do Conselho de Administração do Standard Bank “a atribuição destes prémios ao campeão e vice-campeão do Moçambola 2017 é um reconhecimento ao profissionalismo e à regularidade que as duas equipas demonstraram durante a prova, e um estímulo à prática do desporto, no geral, e do futebol, em particular, no País”.

Por seu turno, o presidente da Liga Moçambicana de Futebol, Ananias Couana, referindo-se ao apoio do Standard Bank para a realização do Moçambola e a respectiva premiação, considerou que o mesmo “demonstra o comprometimento deste banco para com o desenvolvimento e engrandecimento do futebol nacional”.

A Gala Moçambola 2018 contou com a presença da vice-ministra da Juventude e Desportos, Ana Flávia Azinheira, que, no seu discurso, se referiu à importância desta prova na massificação do futebol: “O Moçambola, pelo seu percurso e emoções que transmite ao público, tornou-se um meio aglutinador de massas e factor de unidade nacional”.

Entretanto, Ana Flávia Azinheira apelou à “união de esforços e sinergias para o aperfeiçoamento de estratégias visando o desenvolvimento do futebol desde a captação e seguimento de talentos até à sua profissionalização”, tendo manifestado total apoio visando o alcance deste desiderato.

A gala serviu também para premiar o árbitro mais regular (Filimão Correia), o guarda-redes menos batido (Victor Timana), o melhor marcador (Telinho) e a equipa fair play (Ferroviário de Nampula).

Igualmente, a Liga Moçambicana de Futebol reconheceu, através de certificados de mérito, patrocinadores e parceiros do Moçambola, nomeadamente o Standard Bank, banco oficial do Moçambola, Linhas Aéreas de Moçambique (LAM), Aeroportos de Moçambique, entre outras empresas e instituições.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!