Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

STAE pretende melhorar os métodos de trabalho durante o recenseamento eleitoral

O Secretariado Técnico da Administração Eleitoral irá introduzir mudanças no recenseamento eleitoral de raiz que irá decorrer entre os dias 25 de Maio e 23 de Julho, tendo em vista as eleições autárquicas marcadas para 20 de Novembro próximo.

Tais mudanças consistirão na articulação com as direcções provinciais e distritais daquele órgão, melhoria na preparação dos elementos das brigadas e na supervisão das actividades a serem desenvolvidas durante o registo dos eleitores.

Esta metodologia de trabalho foi proposta e debatida no distrito de Bilene, província de Gaza, durante o Conselho Consultivo Alargado aos directores provinciais e chefes de departamento de nível central e provincial, que decorreu entre os dias 13 e 15 de Fevereiro, e que serviu também para discutir o plano operativo, o qual prevê a instalação de órgãos eleitorais de apoio, a criação de infra-estruturas para o seu funcionamento, a estratégia de educação cívica e a instalação dos centros de imprensa provinciais.

De acordo com Felisberto Naife, director-geral do STAE, está-se a trabalhar no sentido de se fazer com que este recenseamento seja melhor do que o anterior e, para tal, é necessário que haja uma melhor preparação dos membros das brigadas para que estes possam tornar mais flexível o registo de eleitores.

Sobre a introdução do recenseamento biométrico, introduzido no país em 2007, cujo equipamento era caracterizado por avarias, Felisberto Naife alegou que tais problemas se devem ao facto de nunca antes se ter trabalhado com recurso a meios informáticos.

Segundo Naife, após a introdução do sistema, houve a oportunidade de se fazer estudos e análises em relação a diversos equipamentos existentes no mercado, o que permitiu a elaboração de cadernos de encargos com especificações concretas para a solução dos problemas verificados até agora.

Ainda sobre o processo eleitoral deste ano, que culminará com a realização das quartas eleições autárquicas no dia 20 de Novembro, foi anunciada a instalação de seis centros de imprensa nas províncias de Maputo, Gaza, Inhambane, Sofala, Zambézia e Nampula, para a divulgação das informações sobre o processo eleitoral bem como garantir a divulgação de resultados em tempo útil.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!