Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Sismo na Turquia pode ter vitimado entre 500 a 1000 pessoas

Um terremoto potente de 6,6 graus de magnitude abalou o sudeste da Turquia este domingo, de acordo com o observatório turco Kandilli, causando o colapso de prédios e podendo ter matado até mil pessoas. O observatório estimou que entre 500 e 1.000 pessoas foram mortas pelo sismo na cidade de Van, segundo noticiado pela CNN Turk.

“Muitos prédios colapsaram, muitas pessoas morreram, mas nós não sabemos o número. Estamos a espera de ajuda de emergência, é muito urgente”, disse Zulfukar Arapoglu, prefeito do distrito de Ercis, que foi fortemente afetado, à NTV. “Nós precisamos urgentemente de tendas e equipes de resgate. Nós não temos ambulâncias e só temos um hospital. Nós temos muitos mortos e feridos”, afirmou.

Equipes de emergência tentavam socorrer pessoas que podem estar presas em um prédio da cidade de Van, perto da fronteira com o Irã, de acordo com a agência de notícias Anatolian. A agência disse que 50 pessoas feridas foram levadas ao hospital em Van, mas não deu detalhes sobre a seriedade dos ferimentos.

O observatório Kandilli disse que o terremoto aconteceu às 12h41 (horário de Maputo) e foi de cinco quilômetros de profundidade. Mais cedo, o norte-americano Geological Survey divulgara magnitude de 7,6 para o sismo.

Imagens de televisão mostraram prédios danificados, veículos amassados sob a alvenaria que caíra e moradores em pânico nas ruas. A mídia turca disse que linhas de telefone e eletricidade foram cortadas. O primeiro-ministro Tayyip Erdogan rumava à cidade de Van para verificar os danos, segundo a mídia.

Réplicas do tremor continuavam após o terremoto inicial, cujo epicentro foi na vila de Tabanli, ao norte de Van, disse a agência. Pequenos terremotos são um acontecimento quase diário na Turquia.

Dois grandes terremotos em 1999 mataram mais de 20 mil pessoas no noroeste do país. Em maio, duas pessoas morreram e 79 ficaram feridas pelo tremor que sacudiu Simav, também no noroeste.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!