Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

SELO: Nampula: aquela cidade de bombeiros políticos – Por Wilson Nicaquela

Desde 2009, a antiga cidade dos Namutecos (hoje Sporting) e de Muahivire (hoje Benfica) passou a ser uma cidade dos bombeiros políticos. Isso mesmo, bombeiros, pois todos políticos moçambicanos estão de plantão para actuar e intervir em Nampula. Não tem sido por acaso que nas campanhas eleitorais cruzam lançamentos e encerramentos extraordinários.

Até ai não há problemas, pois, a intenção é  de ganhar mais simpatias momentâneas dos eleitores desta mais populosa Província da “pérola”. Para tal não é  não se deve dormir.

A minha preocupação começa na tendência que já passa a ser recorrente, a formação de PARTIDOS POLÍTICOS à moda de “bombeiros”: haver incêndio = a prontidão dos soldados da PAZ.

Sempre que se avizinham eleições, sobretudo as autárquicas, notamos um movimento desusado de formação de associações e partidos em quase toda a província, que nunca colhem os resultados desejados. Aliás, sempre que um indivíduo é  afastado dos “pequenos” partidos em retaliação, forma o seu partido ou associação para alcançar a posição anterior.

Esta forma de fazer política, por um lado fortalece o pensamento pluralista, por outro, é um grave insulto aos cidadãos a que se propõem dirigir. Sabemos, perfeitamente, que os psicólogos vos assessoram, eis a clara manifestação do “finalismo político”, que consiste em fazer política para mudar de vida.

Ora, a continuar a pensar assim, que o único espaço fértil para fazer política é  a província e/ou cidade de Nampula, vão se enganar e estarão a perder o vosso tempo político enganando-se connosco.

Conheçam bem, sobretudo o aspecto antrométrico dos macuas, eles são qualquer coisa como honestos, hospedeiros e sociáveis. Contudo, uma das características mais estranhas é que na hora da greve, o macua tem, sempre, um  MOTIVO DE FORÇA MAIOR, para não comparecer!

Você que pensa em vir fundar o seu partido em Nampula, pense nisso e um forte abraço!

Por Wilson Nicaquela

Psicólogo escolar Mestrando em Educação em Ciências de Saúde (UniLúrio)-Universidade Lúrio/Campus de Marrere, Nampula-Moçambique

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!