Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Sector da Educação introduz mudanças no distrito de Búzi

A direcção dos Serviços Distritais de Educação, Juventude e Tecnologia do distrito de Búzi, província de Sofala, decidiu transformar 16 escolas primárias do primeiro grau em primárias completas, uma medida que entra em vigor a partir do presente ano lectivo.

Trata-se das escolas 25 de Setembro, 3 de Fevereiro, Danga Bura, Chicoio, Humbanhe, Nhamanguena, Chitanda, Inhajigi, Begaja, Mankambine, Masquil, Mararanhe, Mawire, Chicuecue, e Nhangara.

Segundo Domingos Vasco Gimo, director dos Serviço Distrital da Educação, Juventude e Tecnologia, a medida visa responder aos desafios que vêm no Plano Estratégico da Educação, que tem como meta acabar nos próximos tempos com as escolas do primeiro grau.

Num outro desenvolvimento, Gimo fez saber que, apesar de ter aumentado o número de professores contratados, este continuarão a ter dois turnos e receberão horas extraordinárias porque os 88 docentes que entraram contratados não satisfazem as necessidades do sector, que conta actualmente com 900.

Esta situação, de acordo com Gimo, deve-se à exiguidade orçamental uma vez que o dinheiro que o distrito recebe do Governo é pouco, apesar de ter aumentado, o que permitiu que fosse contratados mais professores em relação a 2013.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!