Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Sampras: Federer é o maior tenista de todos os tempos

O americano Pete Sampras, que assistiu neste domingo à histórica final de Wimbledon entre Roger Federer e seu compatriota Andy Roddick, disse que o suíço é o melhor jogador de todos os tempos.

Federer, que derrotou Roddick em cinco sets (5-7, 7-6 (8/6), 7-6 (7/5), 3-6, 16-14) para conquistar seu sexto título de Wimbledon e décimo-quinto Grand Slam, tirou de Sampras o recorde de maior número de vitórias nos “quatro grandes” do tênis. “No meu livro, ele é o maior de todos os tempos. Seus críticos e outras pessoas apontam para o fato de Rafael Nadal derrotá-lo, mas para mim ele é o maior. Ele é uma lenda e um ícone”, declarou Sampras, que venceu em Wimbledon sete vezes em sua carreira.

“Ele é um grande campeão e um bom sujeito. Ele é muito humilde, e eu gosto disso”, elogiou. Para Sampras, Federer, que está com 27 anos, ainda deve conquistar mais alguns Grand Slams. “Ele pode vencer 17, 18 títulos, pelo menos. Ele só tem 27 anos e pode fazer isso se continuar saudável”, afirmou Sampras, que jogou seu último torneio de Wimbledon em 2002.

Federer igualou o recorde de Grand Slams de Sampras – que se aposentou com 14 títulos – em junho, ao conquistar pela primeira vez o torneio de Roland Garros, e agora, com Wimbledon, o ultrapassou. “Ele não faz esforço quando joga. Saca bem, tem um forehand ótimo e o backhand também. Sou fã da maneira como ele joga, da pessoa que é (…). Federer é um sujeito de classe dentro e fora da quadra”, disse Sampras.

“É divertido vê-lo jogar. Só por sua habilidade atlética, pelo que ele é capaz de fazer na troca de bola. Acho que ele pode e vai quebrar todos os recordes do tênis que existem”, estimou. Federer também recebeu elogios do australiano Rod Laver, único tenista da história a vencer os quatro torneios de Grand Slam em uma só temporada duas vezes.

“Roger é um daqueles jogadores que mantém a bola no jogo, tem forehands e backhands miraculosos”, afirmou o ex-tenista, que também estava no All England Club para assistir à partida. “Foi uma grande final. Andy (Roddick) é uma ameaça com aquele saque dele, mas acho que ficou muito cansado no fim”. Outro espectador da final, o sueco Björn Borg, que conquistou Wimbledon cinco vezes, disse que também prevê mais títulos para Roger Federer.

“Ele pode jogar por mais três anos, pelo menos. Se ele não se machucar e continuar com vontade de vencer, ainda haverá muitas finais”, afirmou. “Ele simplesmente não tem mais nenhum ponto fraco. É um grande prazer vê-lo jogar. Para mim, Roger Federer é o modelo certo para qualquer um que deseje se tornar um jogador de tênis”, elogiou o sueco.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!