Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Ruanda atingido por obuses do leste da RD Congo

Pelo menos três obuses disparados desde o leste da República Democrática do Congo (RDC) afetaram quarta-feira várias aldeias de Busasamana, no noroeste do Ruanda, uma zona fronteiriça onde combates violentos opõem a rebelião congolesa do M23 às tropas fiéis apoiadas pela Missão das Nações Unidas para a Estabilização da RDC (MONUSCO), indicaram quinta-feira fontes bem informadas.

Segundo a imprensa oficial ruandesa, habitantes e autoridades administrativas locais revelaram que as localidades de Rusura, Gacurabwenge e Nyacyonga foram atacadas a partir das posições ocupadas pelas Forças Armadas Congolesas, nos arredores da cidade de Goma, capital da província do Kivu-Norte.

É a terceira vez em um mês que obuses são disparados a partir do leste da RDC em direção do território ruandês desde o recrudescimento da violência na região fronteiriça com o Ruanda, segundo a mesma fonte.

O Exército ruandês que sempre condenou estes ataques repetidos provenientes da RDC ainda não reagiu de maneira oficial. A rebelião congolesa do M23 reclama nomeadamente pela reavaliação dos acordos de 23 março de 2009 com o Governo de Kinhsasa relativos à reintegração dos seus ex-combatentes bem como à mistura das suas unidades no seio do Exército regular.

Apesar da presença da MONUSCO, os habitantes de Goma continuam a deplorar uma situação de terror nesta parte da RD Congo onde rebeldes do M23 estariam às portas da capital da província com a possibilidade de lançar o ataque final contra a cidade.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!