Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Quatro pessoas morreram este ano vítimas de mordedura canina em Quelimane

Pelo menos quatro pessoas morreram por causa da mordedura de cães na cidade de Quelimane, de Janeiro a Setembro deste ano, segundo dados avançados pelos Serviços Municipais de Veterinária.

O director Municipal de Saúde, no Conselho Municipal da Cidade de Quelimane, Jorge Carlos Fernandes, disse que algumas mordeduras foram de cães vadios e outros que se encontram nos quintais e nas empresas privadas.

De 2012 até primeiro trimestre deste ano houve subida de casos de mordedura canina, pois as vítimas passaram de 995 para 1.025, devido à fraca sensibilização da população sobre a necessidade de levar seus cães aos postos de vacinação. Alguns proprietários de caninos consideram que os cães vacinados perdem as suas habilidades na caça.

O outro factor que concorreu, em grande medida, para o aumento de casos, é a falta de hábito de manter os cães acorrentados nos quintais, uma prática que coloca em risco a vida de transeuntes. Por isso, a edilidade, em coordenação com a Direcção Provincial de Saúde, em Quelimane, tem realizado, anualmente, campanhas de abate contra cães vadios.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!