Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Projecto de Barragem para Nacala Porto

O Millennium Challenge Account em Moçambique e a Jeffares&Green (PTY) assinaram na tarde de ontem um acordo para a realização do estudo de viabilidade, para avaliação do impacto ambiental e social, projecto executivo e supervisão das obras de reabilitação da barragem de Nacala-Porto de cerca de 2.7 milhões de dólares americanos.

Uma nota recebida na nossa redacção refere que o contrato foi rubricado por Paulo Fumane e Anddy Peperrell, directores executivos do MCA em Moçambique e da empresa Jeffares& Green (PTY), respectivamente.

Aiuba Cuereneia, ministro de Planificação e Desenvolvimento, falando num passado recente na cidade portuária de Nacala, disse que o projecto de reabilitação da mencionada barragem irão consistir na modernização do sistema de descarga de água, construção duma estrada alternativa de acesso a cidade através dum desvio, treinamento dos operadores da barragem sobre as regras de funcionamento e manutenção das infra-estrutura, entre outras.

O governante referiu, igualmente, que as condutas adutoras irão beneficiar de uma ampliação, dos actuais 40 centímetros de diâmetro para 60 centímetros, para além de aumento de reservas para casos de emergência. De acordo, ainda, com Cuereneia, prevê-se a construção de uma nova estação da captação e tratamento de água, cuja capacidade de abastecimento irá aumentar dos actuais 5.700 metros cúbicos diários para 40.200 metros cúbicos diários, beneficiando 388.247 habitantes.

O projecto contempla a reabilitação de 45 quilómetros de rede de distribuição de água existente e construção de 60 quilómetros de tubagem adicional, novas ligações domiciliárias acima das actuais 4 mil ligações, reabilitação de 4 reservatórios e 2 depósitos elevados, entre outras benfeitorias. Acrescentou Cuereneia.

Refira-se que as obras da reabilitação integral da barragem de Nacala- Porto estão orçadas em 11.7 milhões de dólares, financiados pelo Millennium Challenge Account e governo moçambicano.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!