Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

PRM em Nampula detém cidadão acusado de tentar estuprar uma criança

Um jovem de 24 anos de idade, cujo nome não nos foi revelado, encontra-se a contas com a Polícia da República de Moçambique (PRM), desde segunda-feira (11), no bairro de Napipine, no subúrbio da cidade de Nampula, indiciado de estuprado uma menor de oito anos de idade, na noite do último domingo (10).

A vítima, cuja identificação omitimos por razões óbvias, foi interpelada pelo presumível violador sexual nas proximidades da sua residência. Aproveitando-se da ausência da mãe da menor, o acusado, por sinal conhecido naquele bairro, aliciou a criança com 200 meticais, mas esta rejeitou a oferta.

De acordo com a progenitora, que na altura se encontrava em Nacala, o agressor forçou a filha a despir a roupa e proferiu ameaças com uma arma branca em punho. O pior não aconteceu porque os vizinhos intervieram quando ouviram gritos de pedido de socorro.

Em declarações ao @Verdade, a miúda confirmou que encontrou o malfeitor num local escuro, perto da sua casa e se pôs em fuga quando lha chamou. “Ele perseguiu-me para me oferecer dinheiro e neguei. Mostrou-me uma faca e disse que tinha de tirar a roupa senão ia me matar”.

A nossa Reportagem soube que este não é o primeiro caso de violação sexual perpetrado pelo jovem contra as crianças. Ele está preso nas celas da 3ª esquadra da PRM em Namicopo.

No Comando Provincial da PRM em Nampula não foi possível colher a reacção sobre este assunto em virtude da ausência do porta-voz. Contudo, um agente da Lei e Ordem confirmou-nos a ocorrência e disse haver um processo-crime em curso contra o jovem.

De referir que o artigo 219 do Código Penal moçambicano determina que  “aquele que violar menor de doze anos (….) será punido com a pena de vinte a vinte e quatro anos de prisão maior, agravado nos termos do artigo 118”.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!