Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Presidente do Parma e outras 21 pessoas são detidas por lavagem de dinheiro

Giampietro Manenti, presidente e proprietário do Parma, clube da primeira divisão de futebol italiana, e outras 21 pessoas foram detidas numa operação realizada pela Guarda de Finanza (Polícia financeira italiana) por lavagem de dinheiro.

Segundo os meios de comunicação, na operação, ordenada pela promotoria de Roma, foram realizadas dezenas de batidas.

O Parma está a atravessar um momento difícil assolado pelas dívidas e viu-se obrigado a suspender inclusive duas partidas pela falta de dinheiro para as viagens e a falta de pagamento aos jogadores.

O anterior presidente, Tommaso Ghirardi, decidiu desfazer-se do clube e o vendeu ao preço simbólico de 1 euro a Giampietro Manenti durante esta temporada e este prometeu injetar dinheiro que ainda não chegou.

Nesta quinta-feira, será realizada a audiência sobre o estado económico do clube e o mesmo corre o perigo de ter decretada a quebra da sociedade.

Se conseguir pagar as dívidas -entre 40 e 50 milhões de euros- poderá começar uma nova sociedade, o que permitiria ao Parma continuar na primeira divisão ou na Série B. Caso contrário, o Parma desaparecerá e se quiser voltar a disputar partidas, começará desde as categorias de base.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!