Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Presidente camaronês acusa comunidade internacional de impotência

O chefe de Estado camaronês, Paul Biya, acusou, Quinta-feira (3), em Yaoundé a comunidade internacional de impotência face às múltiplas crises que abalam o mundo há décadas.

Falando durante a cerimónia de apresentação de votos do Ano Novo ao corpo diplomático acreditado nos Camarões, ele declarou que a comunidade internacional não conseguiu nem atenuar, nem resolver as múltiplas crises que atentam contra o direito internacional.

“No Mali, uma parte deste território está ocupada por facções armadas, bem como uma parte da República Democrática do Congo e perto de nós na República Centro Africana onde, face ao risco de guerra civil, apelamos à cessação das hostilidades e à abertura do diálogo entre todas as partes para encontrar um compromisso”, declarou.

O Presidente Biya evocou igualmente a guerra civil na Síria que já fez mais de 60 mil mortos. “Quantos mortos serão precisos ainda na Síria para que a comunidade internacional se comova?”, acrescentou.

O Presidente camaronês acusou as grandes potências de manter esta situação e apela-as “a deixar os seus interesses estratégicos respectivos de lado para salvaguardar o direito internacional impunemente violado”.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!