Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Preservativos: “O Papa vive no século XXI?”, questiona ONG camaronesa

“O Papa vive no século XXI?”, questionou uma ONG do Camarões depois que o Papa Bento XVI afirmou na véspera, antes de chegar a este país africano, que o preservativo “agrava o problema da Aids”.

“É uma consternação”, afirmou Alain Fogue, do Movimento Camaronês pelo Acesso aos Tratamentos (MOCPAT).

“As pessoas não vão fazer o que o Papa disse. Ele vive no céu e nós vivemos na Terra”, acrescentou.

“Dizer que o preservativo agrava o problema da Aids vai contra os esforços dos últimos anos do governo camaronês e dos atores envolvidos na luta contra a Aids no país”, afirmou Fogue.

“Queira ou não, de cada 100 católicos, 99 usam preservativo. O Papa deve entender que a carne é fraca! Será que o Papa desconhecia, ao chegar a Camarões, que as pessoas soropositivas representam um número importante da população?”.

Bento XVI, que iniciou na terça-feira em Camarões a primeira visita à África, afirmou, a bordo do avião em que viajava, que não se podia “solucionar o problema da Aids”, pandemia devastadora na África, “com a distribuição de preservativos”. “Ao contrário sua utilização agrava o problema”, afirmou.

O Vaticano opõe-se a todas as formas de contracepção diferentes da abstinência e reprova o uso do preservativo, mesmo por motivos profiláticos (prevenção de doenças).

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!