Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Premier League: United ressurge graças a Rooney

O Manchester United deu este sábado mais um importante passo rumo ao título do Campeonato Inglês. Num jogo duro, em que chegou a estar a perder por 2 a 0 até os 15 minutos do segundo tempo, a equipe de Sir Alex Ferguson fez um reviravolta e venceu o West Ham por 4 a 2 fora de casa, com direito a show de Wayne Rooney, que fez marcou três. Javier “Chicharito” Hernández completou o placar, enquanto Mark Noble fez os dois dos donos da casa.

Com o triunfo, os Red Devils foram a 66 pontos, sete a mais que o Arsenal, que tem um jogo a menos. Já o West Ham manteve-se na zona de rebaixamento, com 32 pontos.

O primeiro tempo foi de amplo domínio do West Ham. Enquanto a equipe londrina era eficiente nos contra-ataques, o United sofria com a falta de criatividade de seu meio-campo. Assim, a superioridade do mandante foi confirmada aos dez minutos. Após chutão que atravessou todo o campo, Patrice Evra cometeu pênalti ao tentar impedir com a mão o drible de Carlton Cole. Noble cobrou e abriu o placar para o West Ham.

Aos 25, nova penalidade, desta vez cometida por Nemanja Vidic. E mais uma vez, Noble conseguiu vencer o guarda-redes Thomasz Kuszczak, substituto de Edwin van der Sar. A vitória era justa até o intervalo, e Ferguson foi obrigado a mexer na equipe, tirando Evra e colocando Chicharito.

A alteração surtiu efeito, e o mexicano deu nova dinâmica ao ataque da equipe. Aos 20 minutos, veio o resultado, com Rooney cobrando falta com perfeição da entrada da área. Outro que ajudou na reação foi Dimitar Berbatov, que substituiu o sul-coreano Park Ji-Sung. Com o setor ofensivo funcionando bem, o empate não tardaria.

Aos 28, Rooney dominou na entrada da área e bateu cruzado, deixando tudo igual. O talento brasileiro teria participação importante na virada do Manchester. Cinco minutos após o empate, o lateral-direito Fábio fez bela jogada e conseguiu um pênalti decisivo. Rooney, sempre ele, converteu a cobrança e decretou a virada. Foi apenas o décimo golo do atacante, que parece ao menos ter acordado na hora certa no campeonato.

Atrás pela primeira vez no placar, o West Ham resolveu deu luta, o que criou espaços em sua defesa. Aos 38, após contra-ataque, Ryan Giggs entrou pela esquerda e bateu cruzado. Chicharito, bem colocado, só teve o trabalho de empurrar para as redes, já dentro da pequena área. Vitória na raça do líder do Inglês e cabeça agora no confronto da próxima quarta-feira, contra o Chelsea, pelos quartas de final da Liga dos Campeões.

Arsenal e Chelsea tropeçam

A 31ª jornada foi perfeita para o Manchester United. Além de conseguir uma virada incrível sobre o West Ham, a equipa viu os seus dois rivais diretos tropeçarem e aproveitou para abrir vantagem na ponta do Inglês. Quem deu uma mão foi o Arsenal, que ficou no 0 a 0 em casa com o Blackburn, um dos lanternas do campeonato.

Já o Chelsea empatou em 1 a 1 com o Stoke City fora. Eliminado do Liga dos Campeões, o Arsenal também o título inglês ficar mais distante, já que soma 59 pontos, sete a menos que os Red Devils. Já o Chelsea tem 55 e segue em terceiro.

Liverpool perde embalo

Outro grande clube da Terra da Rainha que não se deu bem como visitante foi o Liverpool, que foi derrotado pelo West Bromwich por 2 a 1, também neste sábado. Os Reds até saíram na frente, com o eslovaco Skrtel, de cabeça, aos cinco minutos do segundo tempo. Mas o West Bromwich empatou dez minutos depois, com Blunt, em cobrança de pênalti.

Faltando poucos minutos para o fim do jogo, Reina cometeu nova infração dentro da área e Blunt, mais uma vez, deixou a sua marca. Com o resultado, o Liverpool mantém-se distante do grupo de candidatos às competições europeias do ano que vem, com 45 pontos, na sexta colocação, enquanto o West Bromwich, agora com 36, se afasta da zona de rebaixamento.

Com goleada, City volta ao pódio

O Manchester City mostrou este domingo que vai lutar até o fim do Campeonato Inglês pelo pódio e, consequentemente, por uma vaga direta na próxima Liga dos Campeões. Com uma excelente atuação e destaque para Yaya Touré, a equipe goleou o Sunderland por 5 a 0. O resultado deixou o City com 56 pontos e na terceira colocação, ultrapassando o Chelsea, que tem 55 e um jogo a menos. Melhor ainda, diminuiu para apenas três a desvantagem para o vice-líder Arsenal.

Confira os resultados da 31ª jornada do Campeonato Inglês:

West Ham 2 x 4 Manchester United

Birmingham 2 x 1 Bolton

Everton 2 x 1 Aston Vila

Newcastle 4 x 1 Wolverhampton

Stoke City 1 x 1 Chelsea

West Bromwich 2 x 1 Liverpool

Wigan 0 x 0 Tottenham

Arsenal 0 x 0 Blackburn

Fulham 3 x 0 Blackpool

Manchester City 5 x 0 Sunderland

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!