Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Premier League: Tottenham falha liderança da liga inglesa

O Tottenham saiu esta quarta-feira derrotado do campo do West Ham por 1 a 0 e falhou a possibilidade de igualar o Leicester City na liderança do campeonato inglês de futebol, numa 28ª jornada em que Arsenal e Manchester City também somaram desaires.

Com o empate de terça-feira dos “foxes” a duas bolas na recepção ao West Brom, os ‘spurs’ podiam alcançar o primeiro lugar da Premier League, mas acabaram por desiludir no dérbi londrino, num jogo que cedo ficou decidido.

Um remate certeiro de Michail Antonio, logo aos sete minutos, deu o triunfo ao West Ham, que reentrou na luta europeia e sentenciou o destino do Tottenham, que assim termina a ronda no segundo posto, a três pontos do Leicester City.

A formação liderada pelo italiano Claudio Ranieri acabou por sair vencedora desta jornada, já que o Arsenal, terceiro posicionado, foi surpreendido em casa pelo Swansea City e perdeu por 1 a 2, enquanto o Manchester City, quarto, sofreu uma pesada derrota em Liverpool por 3 a 0.

Em Londres, os “gunners” até estiveram em vantagem, graças a um golo do costa-riquenho Joel Campbell, aos 15 minutos, mas os galeses deram a volta ao marcador, por Routledge e Williams, aos 32 e 74 minutos, respectivamente.

Este resultado deixou o Arsenal a seis pontos do Leicester, enquanto o Swansea passou a ‘respirar’ melhor, agora seis pontos acima da zona de despromoção.

Após ter batido o Liverpool na final da Taça da Liga, o Manchester City acabou por sofrer a “vingança” dos “reds”, que alcançaram um contundente triunfo com golos de Lallana, aos 34 minutos, de Milner, aos 41, e do brasileiro Firmino, aos 57.

Os “citizens” ficaram a 10 pontos do primeiro lugar, e deixaram-se igualar pelo eterno rival Manchester United, que recebeu o bateu o Watford, por 1 a 0, com um golo solitário do espanhol Mata, aos 83 minutos.

O Stoke City reforçou a candidatura às competições europeias (é sétimo a quatro pontos dos lugares de acesso) e agravou a situação do Newcastle (antepenúltimo a um ponto da salvação), depois de bater em casa os “magpies” por 1 a 0, com um tento do suíço Shaqiri, aos 80 minutos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!