Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Polícia revista casa do médico de Michael Jackson em Las Vegas

A polícia e agentes federais revistaram a residência do médico pessoal de Michael Jackson, Conrad Murray, em Las Vegas, indicou a imprensa esta terça-feira, aumentando as especulações em torno da morte do rei do pop.

Redes de televisão locais mostraram vários carros da polícia em frente à casa de Murray em Las Vegas (Nevada, oeste), menos de uma semana depois da revista feita no consultório do médico em Houston (Texas, sul). O site especializado em celebridades tmz.com indicou que agentes da DEA (Agência antidrogas americana) e detetives do Departamento de Polícia de Los Angeles estavam procurando a documentação médica de Jackson.

Procurados pela AFP, nem os advogados de Murray nem a polícia de Los Angeles puderam ser contactados. Na semana passada, a polícia e agentes da DEA revistaram o consultório de Murray em busca de elementos “que constituam uma prova do delito de homicídio”. A rede de televisão CNN reportou na segunda-feira que a polícia acredita que Murray teria administrado uma dose letal do analgésico propofol (comercializado como Diprivan) ao cantor no dia de sua morte.

O propofol é utilizado nos hospitais para anestesiar pacientes antes de cirurgias. Segundo especialistas, a substância só pode ser administrada por um anestesista, e sob condições estritamente controladas.

A possibilidade de que Murray tenha dado a droga a Jackson por via intravenosa alimentou a hipótese de que possa vir a ser acusado de assassinato. Os advogados do médico, que insistem em sua inocência, emitiram um comunicado na noite de segunda-feira pedindo calma.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!