Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Polícia detém supostos caçadores furtivos em Inhambane

Dois cidadãos moçambicanos estão detidos em Vilanculos, na província de Inhambane, acusados de caça furtiva. Em sua posse, a Polícia confiscou duas pontas de marfim com 15 quilogramas e apreendeu ainda uma viatura com matrícula ADQ 241 MC, na qual se faziam transportar.

Segundo as autoridades policiais daquele ponto do país, a detenção dos visados foi possível graças a um plano que consistiu em colocar alguém, da confiança dos agentes da Lei e Ordem, a fazer-se passar por um dos compradores dos troféus, que estavam à venda a um preço de 150 mil meticais.

Os supostos caçadores furtivos partiram do distrito de Govuro com destino a Vilanculos, a fim de comercializar as pontas de marfim.

Um dos indiciados cujo nome não apurámos, e que pelo sotaque parece ser natural de Inhambane, disse à PRM que não sabia que os troféus apreendidos em suas mãos eram proibidos e quem os transportassem ilegalmente pode ser preso. Por essa razão não houve necessidade de esconder o produto nem de tentar fugir quando foi interpelado pela Polícia.

De acordo com o indivíduo, um troféu pesava oito quilogramas e o outro, sete. Cada quilograma seria vendido a 10 mil meticais, dos quais a sua comissão seria de dois mil meticais e o restante valor era para o proprietário dos troféus. Entretanto, não foi revelada a identidade nem localização do pretenso dono. O objectivo era conseguir dinheiro no sentido de assegurar os estudos dos seus filhos, segundo justificou o cidadão ora enclausurado.

A PRM disse que o vendedor caiu na sua armadilha sem desconfiar que estava a negociar com a Polícia, até porque ele se deslocou a Vilanculos seguro de que teria, logo à sua chegada, 50 mil meticais e o restante valor seria transferido para a sua conta via banco.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!