Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Pergunte a Tina o que fazer se teu namorado sente dor e comichão depois de tirar uma urina estranha

Olá Tina! Tenho 19 anos e mantenho relações sexuais há três anos com o meu namorado. Ainda não tive outra experiência (com outro homem). Depois de alguns meses da nossa relação, passámos a não usar mais o preservativo porque ele diz que não sente prazer e demora-se a ejacular. Há um mês ele disse-me que sentia dores depois de urinar, a urina tinha uma cor escura e com um mau odor e fazia comichão à volta do pénis.

Fomos a um centro de saúde para fazer o tratamento e combinámos que passaríamos a usar o preservativo. Só que na primeira transa ele tentou usar e não deu certo… Gostaria de saber o que eu posso fazer em relação a isso. Também gostaria de saber se é verdade que antes de atingir 10 dias depois do período, não se contrai a gravidez. Beijinhos.

Olá minha linda. A primeira coisa que leio da tua mensagem é isto: “ele diz que não sente prazer”, o que significa, para mim, que se trata de um problema dele e não teu. Mas o teu corpo também faz parte activa dessa relação sexual, e se é teu tu tens o direito também de dizer se sentes ou não prazer usando o preservativo. Em segundo lugar, se tu dizes que não tens e nunca tivestes outro parceiro sexual, e o teu namorado aparece com sintomas de algum tipo de infecção na região genital, há uma certa injustiça no facto de mesmo assim ele não querer usar o preservativo; ou não?

Terceiro, se vocês foram fazer o tratamento, juntos, e combinaram usar o preservativo, e depois o teu namorado volta a insistir em não usá-lo…minha querida, estamos perante um problema sério de autodeterminação, ou melhor, de incapacidade da tua parte de negociar o que se faz ou deixa-se de fazer no teu próprio corpo. Entende que na nossa sociedade prevalece a ideia de que os homens é que têm o direito de decidir como e quando se realizam as relações sexuais.

Todavia, há duas pessoas envolvidas, e por isso é importante que tu ganhes coragem para conversar abertamente (sem medo de perder o namorado) sobre a tua inquietação. O preservativo não constitui uma barreira para o prazer sexual, mas sim o estado emocional e físico das pessoas. Se tanto tu como ele estiverem bem de saúde, estiverem estimulados e excitados, o preservativo serve como uma forma eficaz de evitar a transmissão de infecções sexuais, incluindo o VIH.

Convida-lhe para, mais uma vez, fazerem uma visita ao hospital, pedir exames para um diagnóstico na unidade sanitária sobre o tipo de infecção que vocês têm, como se cura e como se evitar. Procura saber também, do teu namorado, se ele tem outras parceiras e se com estas (se ele for honesto), ele usa o preservativo. Se não consegues ter essa conversa com ele, procura tu uma unidade sanitária e faz o Aconselhamento e Testagem de Saúde, e pede aconselhamento sobre formas de conversar com o teu parceiro. Cuida de ti, a tua saúde é mais importante que o teu namorado, acredita! A resposta para a segunda pergunta fica para a próxima coluna.

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!