Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Pergunta a Tina: quando chegou o momento de penetrar, de repente caiu

Pergunta a Tina: sexo oral prejudica a saúde ou não?

Bom dia, algo estranho aconteceu comigo hoje e lembrei-me da sua ajuda. Tenho 23 anos, conheci uma moça linda e apaixonei-me por ela, estamos a namorar e tudo é lindo. Mas uma coisa, tentámos envolver-nos mais (relações sexuais), seria a minha primeira vez. No princípio estava tudo óptimo, mas quando chegou o momento de penetrar, de repente caiu, fizemos de tudo para fazer voltar e nada. Ela conversou comigo dizendo que é normal (está cursando Psicologia, 4º ano). Então tentamos no outro dia, aconteceu o mesmo. E eu sinto medo, não me sinto homem por completo e tenho medo dela não mais querer namorar comigo.

Bom dia, amigo leitor. Realmente, a tua namorada tem razão: é normal que isso te aconteça, e especialmente sendo a tua primeira experiência. E o facto de se ter repetido a mesma experiência frustrante quando tentaram de novo, significa que tu já levas contigo a preocupação quando vais fazer sexo. Naturalmente que assim não pode funcionar bem. À partida, está condenado ao fracasso. E quanto mais medo tiveres e mais sentires que não és homem, então pior! Só agrava a situação. O melhor é deixar de continuar a insistir enquanto esse medo não passar.

Mas, finalmente, a solução do teu problema não é difícil: tens que aprender a amar. Esquece a erecção e a penetração, relaxa, e simplesmente troca beijos, carícias, abraços, carinhos, e todos os chamados “preliminares”, com a tua namorada, e concentra-te no prazer que podes ter e dar, durante todo o tempo que vocês quiserem.

Se conseguires fazer isto, quando menos esperares, a erecção e a penetração vão surgir naturalmente, sem pressas, fluindo ao ritmo da harmonia e entendimento encontrados com os preliminares.

E se isso não acontecer logo nas primeiras vezes, qual o problema? Curtiram os beijos, carícias e outros preliminares, ou não? Certamente que, se fores carinhoso e terno, apenas estes preliminares serão mais que suficientes para proporcionares orgasmos à tua namorada. Para se curtir, a penetração não é indispensável.

Em resumo, o teu problema é uma questão de atitude perante o sexo que poderás modificar sem dificuldade, especialmente se tiveres uma boa compreensão da parte da tua namorada. Sucessos!

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!