Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Pastores de gado matam 82 pessoas em vila cristã no centro da Nigéria

Pastores de gado mataram 82 pessoas e feriram outras 25 numa vila no centro da Nigéria devido a direitos de pastagem, informou a polícia nesta terça-feira, menos de duas semanas antes de uma eleição nacional em que as tensões políticas e étnicas são elevadas.

A polícia começou na segunda-feira a investigar o ataque realizado por pastores muçulmanos Fulani contra o grupo de maioria cristã Egba no fim de semana, na remota vila Agatu Iga, no Estado de Benue.

Centenas de pessoas morreram no ano passado em confrontos entre os seminômades e pastores de gado Fulani e as comunidades mais assentadas que praticam uma mistura de agricultura e criação de gado.

Não houve nenhuma indicação de que o ataque tinha relação com o grupo militante islâmico Boko Haram, que já matou milhares de pessoas numa insurgência de seis anos. “É a velha questão sobre direitos de pastagem e roubo de gado entre Egba e o povo Fulani”, disse o porta-voz da polícia Ezeala Austin por telefone.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!