Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Oposição afirma que violência pós-eleitoral matou 15 no Gabão

Pelo menos 15 pessoas morreram em distúrbios em Port-Gentil (oeste do Gabão), depois da eleição da semana passada à presidência gabonesa de Ali Bongo, afirmou Pierre-André Kombila, deputado e membro da oposição.

De acordo com Kombila, candidato à presidência em 1998, o balanço final pode ser ainda maior. O balanço oficial do governo é de três mortos nos distúrbios. “Temos informações de que o necrotério do hospital de Ntchengue (ao sul de Port Gentil, segunda maior cidade do país) tem 15 corpos”, disse Kombila.

O anúncio da vitória de Ali Bongo não foi reconhecidos por dois candidatos da oposição, que eram considerados favoritos, e denunciaram fraudes. Ali Bongo sucede o pai, Omar Bongo, que morreu no início de junho depois de passar 41 anos no poder.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!