Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

OMS relata primeira contaminação de enfermeiros por vírus semelhante à Sars

Dois profissionais da saúde na Arábia Saudita foram contaminados por pacientes com um novo vírus semelhante ao da Sars, potencialmente letal, afirmou a Organização Mundial da Saúde (OMS), no primeiro indício de uma transmissão desse tipo em ambiente hospitalar.

O chamado “novo coronavírus” (nCoV) é da mesma família dos vírus que causam os resfriados comuns e do que causou o letal surto da Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars, na sigla em inglês), doença que surgiu em 2003 na Ásia.

“Esta é a primeira vez que profissionais da saúde são diagnosticados com uma infecção (pelo nCoV) após exposição a paciente”, afirmou a OMS em nota divulgada nesta quarta-feira.

Os profissionais contaminados são um homem de 45 anos, que adoeceu em 2 de maio e está em estado grave, e uma mulher de 43 anos, já afetada por outro problema de saúde, que adoeceu em 8 de maio e está em estado estável, disse a OMS.

A França também relatou um provável caso de transmissão dentro de um hospital, mas foi entre dois pacientes que dividiram quarto por muitos dias. O nCoV, como a Sars e vírus semelhantes, pode causar tosse, febre e pneumonia.

Cientistas temem que ele sofra uma mutação que o torne mais facilmente transmissível e desencadeie uma pandemia. Especialistas da OMS que estão na Arábia Saudita para discutir o surto com as autoridades disseram no domingo que aparentemente o novo vírus só é transmitido entre humanos após contato próximo e prolongado.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!