Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Obras de colocação da relva sintética no Desportivo de Nacala arrancam esta segunda-feira

Foi lançada, esta segunda-feira (11), a primeira pedra para a colocação da relva sintética no Campo da Bela Vista, propriedade do Desportivo de Nacala, equipa que ascendeu à prova máxima do futebol, o Moçambola.

Contrariamente ao que era dito, o Campo da Bela Vista em Nacala-Porto vai ter uma relva sintética avaliada em oito milhões de meticais.

Parte deste valor, 6.5 milhões, provém das contribuições feitas pelos sócios e simpatizantes do Desportivo de Nacala.

Espera-se que as obras durem três meses e, provavelmente, os jogos do Desportivo de Nacala serão realizados no campo 25 de Junho, do Ferroviário de Nampula.

A infra-estrutura vai ter igualmente novas bancadas, segundo Mahomede Munir, responsável daquela formação desportiva, para quem o clube não vai realizar jogos de controlo fora da província de Nampula.

Num outro desenvolvimento, Munir disse que o Desportivo de Nacala, treinado por Nacir Armando, contratou reforços, nomeadamente, Jonas, ex-Costa do Sol, Sadiqui, Hilário, ex-Inkomáti, Leonel, ex-Despotivo de Maputo, Luís ex-Liga Muçulmana, Mboma, que era do Matchedje, e um atleta swazi.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!