Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

O presidente indonésio ordena executar cinco réus e afundar embarcações ilegais

O presidente da Indonésia, Joko Widodo, ordenou a execução de cinco réus condenados à morte por delitos de narcotráfico e afundar três embarcações estrangeiras que foram apanhadas quando trabalhavam ilegalmente em águas nacionais.

O ministro coordenador de Assuntos de Política, Justiça e Segurança, Tedjo Edny Purdijatno, declarou à imprensa na saída de uma reunião com Widodo que tinha recebido a ordem de realizar as execuções este mesmo mês, segundo o diário Jakarta Post. Indonésia não aplica a pena capital, cumprida por um pelotão de fuzilamento, desde novembro do ano passado, quando se justiçou um narcotraficante paquistanês.

O novo procurador-geral do país, HM Prasetyo, anunciou recentemente que tinham previstas 20 execuções em 2015, a maioria de sentenças relacionadas com narcóticos.

O ministro indonésio anunciou que o chefe de Estado também lhe ordenou que se afundassem este sábado três pesqueiros estrangeiros que trabalharam ilegalmente em águas indonésias.

Segundo Tedjo, Widodo assinalou que tinham que ser firmes com os pescadores de outros países que causam à Indonésia perdas anuais de 19.710 milhões de euros.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!