Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

O ouro supera os US$ 1.000 em Nova York ante a fragilidade da moeda

O preço do ouro superou os 1.000 dólares esta terça-feira, em Nova York, pela primeira vez em seis meses, como havia feito mais cedo, em Londres e Hong Kong, beneficiando-se da fragilidade do dólar e da algumas compras especulativas.

O contrato com vencimento em dezembro terminou em 999,80 dólares a onça, em alta de 3,10 dólares, depois de alcançar 1.009,70 às 13H00 GMT no Comex, uma divisão do New York Mercantile Exchange (Nymex).

O preço da prata com o mesmo vencimento alcançou seu nível mais elevado em um ano, a 16,86 dólares, antes de terminar em 16,51 dólares. O ouro superou também os 1.000 dólares nesta terça-feira em Hong Kong, fechando em 1.006,50 dólares, ganhando mais de 10 dólares em uma sessão, assim como em Londres, onde evoluí em seus níveis mais altos em relação a seu recorde de março de 2008, em 1.007,70 dólares a onça. A

s matérias-primas, cotadas em dólares, são mais atrativas com uma desvalorização da moeda americana e também se beneficiam dos temores de inflação em um período de recuperação econômica. Setembro é historicamente um bom mês para o ouro, por marcar o início de um período de alta da demanda, que prossegue até as festas de Natal.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!