Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

NBA: Playoffs começaram em Grande Estilo

NBA: Playoffs começaram em Grande Estilo

No primeiro fim de semana dos play-off da Liga Profissional de Basquetebol norte americana, NBA, três equipas que jogaram fora de casa conseguiram arrancar vitórias. Grande emoção no primeiro jogo dos playoffs da temporada, com os Chicago Bulls a vencerem os Indiana Pacers, por 104-99.

Numa partida onde tiveram praticamente todo o tempo em desvantagem, os Bulls foram comandados, uma vez mais, por Derrick Rose, que voltou a brilhar. O base apontou 39 pontos, 6 assistências, 5 ressaltos e 3 desarmes de lançamento. Deng, com 18 pontos e 10 assistências, também esteve em bom plano. Do lado dos Pacers, Danny Granger foi o elemento em maior destaque, com 24 pontos.

Pelos Pacers, Danny Granger foi o melhor, com 24 pontos. Com os Bulls a liderarem por 1-0 a série respeitante ao playoff da Conferência Este, o próximo encontro está agendado para segunda-feira, madrugada de terça-feira em Maputo.

Chris Bosh lidera reviravolta dos Heat

Os Miami Heat arrancaram a fase decisiva da NBA com uma sofrida vitória diante de Philadelphia por 97-89, em partida disputada no American Airlines Arena. Depois de um primeiro período em que os 76ers deram um verdadeiro recital ofensivo (31-19), os Heat acordaram e conseguiram dar a volta ao jogo, chegando ao intervalo em vantagem por 5 pontos (54-49).

O terceiro período voltou a ser da equipa da casa e só nos instantes finais a situação ficou tremida. Os 76ers conseguiram encurtar para 1 ponto de desvantagem, mas LeBron praticamente “matou” o jogo com dois lançamentos livres convertidos a 15 segundos do fim. O grande pontuador do encontro foi Chris Bosh, ao apontar 25 pontos e 12 ressaltos, enquanto James fez 21 pontos, 14 ressaltos e 5 assistências. Do lado dos 76ers, Jrue Holiday foi o melhor lançador, garantindo 19 pontos, 5 ressaltos e 5 assistências.

“Superman” Howard não evita derrota dos Magic

Nem a fenomenal exibição de Dwight “Superman” Howard evitou a derrota (103-93) dos Magic, diante de Atlanta, no primeiro jogo entre ambas as equipas, pelo que a turma de Orlando perde já a primeira vantagem que podia ter nos jogos caseiros. Howard, poste dos Magic, bem tentou remar contra a maré, mas a falta de auxílio dos seus companheiros condenou a equipa de Orlando a uma derrota no 1.º jogo da série.

D-12 terminou a noite com 46 pontos e 19 ressaltos, batendo um par de recordes da equipa de Orlando. Howard tornou-se o melhor marcador dos Magic numa partida de playoff, tal como o jogador com mais pontos concretizados na primeira parte (31). Por último, ficou apenas a 5 pontos do melhor registo pontual realizado por jogador ainda no activo, fixado por Vince Carter e Dirk Nowitzki, 50 pontos (números sem prolongamento). A sua melhor ajuda veio sob a forma de Jameer Nelson, que concretizou 27 pontos, sendo que 20 destes vieram no 3.º período – um novo recorde para os Orlando Magic. Do lado dos Hawks, a melhor prestação foi realizada por Joe Johnson, que averbou 25 pontos, cinco ressaltos e cinco assistências, conduzindo o seu conjunto à vitória.

Dallas triunfam

Os Dallas Mavericks venceram na receção aos Portland Trail Blazers por 89-81, no primeiro jogo da série – à melhor de 7 – entre as duas equipas. O inevitável Dirk Nowitzki foi o melhor marcador dos Mavs com 28 pontos, aos quais juntou 10 ressaltos, completando um duplo-duplo. Do lado dos Trail Blazers, LaMarcus Albridge voltou a ser o melhor elemento, com 27 pontos e 6 ressaltos, mas não conseguindo evitar o desaire.

Memphis garante primeiro triunfo diante de San Antonio

O San Antonio Spurs, primeiro classificados na conferência oeste, foram este domingo surpreendidos no seu reduto por Memphis (98-101), naquela que é a primeira vitória dos Grizzlies num playoff. Sem a presença do argentino Ginóbili, ausente devido a lesão, a turma de San Antonio nunca se conseguiu encontrar com o seu jogo e acabou a primeira parte com 6 pontos de desvantagem em relação ao oponente.

Quem mais contribuiu para esta fantástica vitória foi o poste Zach Randolph, ao apontar 25 pontos e 14 ressaltos. Apesar de ter tido apenas 10 pontos, Shane Battier acabou por estar presente no momento mais decisivo do jogo, ao lançar com sucesso um triplo a 24 segundos do final, “matando” por completo as esperanças dos Spurs. Tony Parker foi o mais esclarecido do lado de San Antonio, com 20 pontos e 5 assistências, mas a equipa de Gregg Popovich certamente que sentiu em demasia a ausência de Ginóbili, a sua grande estrela.

Lakers perdem em casa

Depois da derrota dos San Antonio Spurs contra Memphis, outro candidato ao título começou da pior forma o playoff. Os Lakers, segundos no Oeste na fase regular, foram derrotados em casa pelos New Orleans Hornets (100-109), perdendo o sempre importante fator casa nesta 1.ª ronda. Para tal, muito contribuiu a prestação do base Chris Paul, que terminou com 33 pontos, 14 assistências, 7 ressaltos e 4 roubos de bola. Aliás, o líder dos forasteiros assinou 15 pontos só nos últimos 5 minutos da partida.

Do lado contrário, Kobe Bryant anotou 34 pontos mas teve pouca ajuda da muleta Pau Gasol, que se ficou pelos 8 pontos e 6 ressaltos.

Ray Allen salva o Boston com cesta de três e abre 1 a 0 sobre o New York

Aos 35 anos, ele ainda resolve. Para quem tinha alguma dúvida, Ray Allen mal esperou a abertura dos playoffs e mostrou pela enésima vez que gosta dos momentos decisivos. Em mais um capítulo emocionante neste início dos play-offis da NBA, o ala do Boston Celtics fez um cesto de três pontos a 12 segundos do fim e garantiu uma vitória dramática sobre o New York Knicks.

Com o placar de 87 a 85 na noite de domingo, a equipa de Boston faz 1 a 0 na série do primeiro round. Além de Allen, a equipa da casa contou com 18 pontos de Paul Pierce, 15 de Kevin Garnett, 12 de Jermaine O’Neal e dez de Rajon Rondo, que ainda deu nove assistências. Pelo lado dos Knicks, o melhor marcador foi Amare Stoudemire, com 28, seguido pelos 15 de Anthony, que sofreu com a marcação de Pierce. As equipas voltam à quadra na terça-feira para o jogo 2, novamente em Boston.

Confira os resultados e o programa dos jogos dos play-offs:

Conferência Este

(1) Chicago Bulls-Indiana Pacers (8), 1-0

Chicago-Indiana, 104-99

Chicago-Indiana, dia 18

Indiana-Chicago, dia 21

Indiana-Chicago, dia 23

*Chicago-Indiana, dia 26

*Indiana-Chicago, dia 28

*Chicago-Indiana, dia 30

 

(2) Miami Heat-Philadelphia 76ers (7), 1-0

Miami-Philadelphia, 97-89

Miami-Philadelphie, dia 18

Philadelphia-Miami, dia 21

Philadelphie-Miami, dia 24

*Miami-Philadelphia, dia 27

*Philadelphia-Miami, dia 29

*Miami-Philadelphia, 1 maio

 

(3) Boston Celtics-New York Knicks (6), 1-0

Boston-New York, 87-85

Boston-New York, dia 19

New York-Boston, dia 22

New York-Boston, dia 24

*Boston-New York, dia 26

*New York-Boston, dia 29

*Boston-New York, 1 maio

 

(4) Orlando Magic-Atlanta Hawks (5), 0-1

Orlando-Atlanta, 93-103

Orlando-Atlanta, dia 19

Atlanta-Orlando, dia 22

Atlanta-Orlando, dia 24

*Orlando-Atlanta, dia 26

*Atlanta-Orlando, dia 28

*Orlando-Atlanta, dia 30

 

Conferência Oeste

 

(1) San Antonio Spurs-Memphis Grizzlies (8), 0-1

San Antonio-Memphis, 98-101

San Antonio-Memphis, dia 20

Memphis-San Antonio, dia 23

Memphis-San Antonio, dia 25

*San Antonio-Memphis, dia 27

*Memphis-San Antonio, dia 29

*San Antonio-Memphis, 1 maio

 

(2) Los Angeles Lakers- New Orleans Hornets (7), 0-1

LA Lakers-New Orleans, 100-109

LA Lakers-New Orleans, dia 20

New Orleans-LA Lakers, dia 22

New Orleans-LA Lakers, dia 24

*LA Lakers-New Orleans, dia 26

*New Orleans-LA Lakers, dia 28

*LA Lakers-New Orleans, dia 30

 

(3) Dallas Mavericks- Portland Trail Blazers (6), 1-0

Dallas-Portland, 89-81

Dallas-Portland, dia 19

Portland-Dallas, dia 21

Portland-Dallas, dia 23

*Dallas-Portland, dia 25

*Portland-Dallas, dia 28

*Dallas-Portland, dia 30

 

(4) Oklahoma City Thunder-Denver Nuggets (5)

Oklahoma-Denver, 107-103

Oklahoma-Denver, dia 20

Denver-Oklahoma, dia 23

Denver-Oklahoma, dia 25

*Oklahoma-Denver, dia 27

*Denver-Oklahoma, dia 29

*Oklahoma-Denver, 1 maio

 

 

* Jogos que serão disputados apenas em caso de necessidade para desempate da série.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!