Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Nasce primeira empresa de moeda electrónica

Acaba de ser lançada, no Maputo, a empresa Carteira Móvel SA, uma nova instituição financeira, responsável pela gestão de um novo serviço que visa impulsionar a bancarização da economia no país e, ao mesmo tempo, concorrer para a massificação da utilização de instrumentos de pagamento electrónicos alternativos ao numerário.

Trata-se do mKesh, uma primeira solução de serviços financeiros móveis em Moçambique, que permite enviar, depositar e receber dinheiro, de forma fácil e segura, através do uso do telemóvel.

Entre outras funcionalidades, o mKesh permite ainda receber salários da entidade empregadora, pagar compras e outras despesas de estabelecimentos, para além da consulta de saldos, compra de crédito mcel, envio de senha para qualquer pessoa levantar dinheiro num agente credenciado, etc.

Participada em 70 porcento pela mcel-Moçambique Celular SA e em 30 porcento pelo IGEPE – Instituto de Gestão das Participações do Estado, a Carteira Móvel SA constitui, com efeito, a primeira empresa de moeda electrónica a fornecer serviços de mobile banking, no país.

Os votos do BM

Intervindo na cerimónia de lançamento da iniciativa, o vice-governador do Banco de Moçambique, António Pinto de Abreu, referiu que, “com esta iniciativa, a nossa expectativa é que a intermediação financeira se expanda para os locais mais recônditos, assegurando, desse modo, a inclusão de mais moçambicanos na economia formal e no sistema financeiro”.

“O mKesh deverá impulsionar a bancarização da economia, bem assim concorrer para a massificação da utilização de instrumentos de pagamento electrónicos alternativos ao numerário, contribuindo, deste modo, para a melhoria das condições de prestação de serviços de pagamentos a nível nacional”, segundo frisou António Pinto de Abreu.

Hunguana ufano

Por seu turno, o presidente do Conselho de Administração da mcel, Teodato Hunguana, indicou que o mKesh constitui uma solução de serviços financeiros móveis que permite a todos os clientes da mcel transferir, depositar, pagar, comprar e levantar dinheiro, através do seu aparelho celular, de forma fácil e segura, durante 24 horas, em qualquer loja mcel ou agente devidamente autorizado.

“Ao lançar o serviço mKesh, reafirmamos a posição de liderança como provedores de serviços inovadores no mercado de telecomunicações em Moçambique, dentro da filosofia de satisfação crescente das necessidades dos nossos clientes, no acesso aos serviços financeiros, particularmente no meio rural, pois a mcel orgulha-se de ser a única operadora que cobre efectivamente os 128 distritos do território nacional”, disse, a finalizar, Teodato Hunguana.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!