Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Não há evidência de ação da Al-Qaeda no ataque a NY (prefeito)

O prefeito de Nova York, Michael Bloomberg, disse neste domingo que não há evidências de que o carro-bomba encontrado em Times Square, no coração da cidade, esteja ligado à Al-Qaeda ou a qualquer outro grupo terrorista importante. “Não há evidências de que isto tenha relação com a Al-Qaeda ou com qualquer outra organização terrorista importante”, declarou Bloomberg.

“Confio que encontraremos quem fez isso”, disse o prefeito ao lado do primeiro policial a chegar ao local, que foi convidado a jantar com Bloomberg como recompensa. “Somos uma encruzilhada das estradas do mundo. As pessoas se sentem seguras em Nova York e continuarão vindo para cá”, garantiu o prefeito. Em vídeo na Internet, um grupo talibã paquistanês, o Tarik-e-Taliban, assumiu a responsibilidade pelo carro-bomba, segundo o serviço SITE de monitoramento das redes extremistas na rede.

Introduzido no YouTube, o vídeo afirma que o atentado foi realizado em represália à morte recente de dois líderes da Al-Qaeda no Iraque e aos ataques de aviões sem piloto no Paquistão. O chefe da polícia de Nova York, Raymond Kelly, já havia descartado qualquer evidência apoiando a reivindicação do Tarik-e-Taliban sobre o atentado. “Ainda que um fabricante de bombas talibã tenha se responsabilizado na Internet, não há evidências para respaldar esta versão”.

Agentes da polícia já foram à Pensilvania para tomar o depoimento de um turista que afirma ter filmado um suspeito no local do incidente. Segundo Kelly, o carro-bomba foi levado a um local apropriado na manhã deste domingo, onde é examinado detalhadamente em busca de impressões digitais e vestígios com DNA. Kelly informou que no carro foi armado um artefato explosivo incendiário potencialmente perigoso, com três bujões de propano, dois galões de gasolina e pólvora de fogos de artíficio. Também havia uma caixa com substância “com aspecto de fertilizante”, cuja natureza exata não foi determinada, que se espalharia com a explosão.

O ataque fracassou porque a polícia foi alertada por um ambulante, que observou a fumaça que saía de uma caminhonete Nissan Pathfinder estacionada na zona entre a Rua 45, a Sétima Avenida e a Broadway.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!