Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Munícipes exigem reabertura da morgue

A morgue do hospital rural d e Angoche , em Nampula, encontra-se encerrada há cerca de um ano devido ao estado obsoleto em que se encontra o seu equipamento de frio.

 

 

Este facto inquieta sobremaneira os munícipes daquela cidade costeira que exigem do governo a operacionalização da morgue. Num encontro popular havido recentemente na cidade de Angoche, os munícipes lamentaram-se perante o governador de Nampula, Felismino Tocoli, dizendo que quando ocorre a perda de uma vida humana os parentes vêem-se obrigados a realizar as cerimónias fúnebres sem obedecer os hábitos e costumes por falta de alternativas para a conservação dos corpos.

A cidade costeira de Angoche é caracterizada por temperaturas altas durante todo o ano pelo que se exige um sistema de frio funcional.

A margem disso, os munícipes questionam a razão dos atrasos que se verificam nas obras de reabilitação em curso do hospital rural local.

Revelaram que o estado actual das infra-estruturas físicas da unidade hospitalar não dignificam o estatuto da cidade e não promove o uso dos serviços sanitários públicos para o tratamento e cura de doenças que apoquentam a população local.

O governador de Nampula Felismino Tocoli reagiu as inquietações dos munícipes de Angoche referindo que o governo está preocupado com o estado físico de algumas unidades sanitárias de referência na província dai que tenha esboçado um projecto visando a reabilitação dos mesmos de forma gradual, ou seja a medida da disponibilidade dos fundos.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!