Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

MONASO intensifica acções de combate à discriminação

A MONASO, Rede Moçambicana de Organizações Contra o SIDA, vai levar a cabo uma série de programas radiofónicos em, pelo menos, cinco estações emissoras em cada uma das provincias do país para, entre outras questões, difundirem a lei 12/2009, de 12 de Março, que defende os direitos das pessoas vivendo com o HIV/SIDA em relação aos actos de discriminação.

Segundo Roberto Nelson Paulo, oficial de Advocacia e Comunicação na MONASO, a iniciativa visa criar estratégias que permitam a divulgação da Lei para que a mesma seja conhecida e respeitada quer ao nível das comunidades, bem como no seio das camadas sócio-laborais e económicas.

Entrevistado pelo Wamphula Fax, à margem do seminário que decorre em Nampula, a fonte disse que, para além dos programas radiofónicos, a matéria será divulgada em alguns jornais de maior circulação nacional. Para além da divulgação da lei via rádio, também vamos privilegiar a disseminação de mensagens, através de jornais de maior circulação nacional onde vamos divulgar alguns artigos que achamos importantes, principalmente para o sector público. Referiu Roberto Paulo.

O nosso entrevistado acrescentou que a sua organização tem constatado melhorias significativas relativamente à auto consciência das PVHS aderirem ao Tratamento Antiretroviral (TARV) voluntariamente e em assumir positivamente o seu estado serológico, graças a mensagens que têm sido divulgadas por diferentes organizações ligadas à área do HIV/SIDA no país. De referir que a Lei 12/2009 de 12 de Março foi aprovada em finais de 2008 e promulgada em 2009.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!