Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Moçambola: Ferroviário de Maputo vence, aproveita empate do Costa do Sol e assume liderança a três jornadas do fim

Moçambola: Ferroviário de Maputo vence

Um golo de Diogo e outro de Luís catapultaram os locomotivas de Maputo para a liderança do Campeonato Nacional de Futebol beneficiando do empate do então líder, o Costa do Sol, em casa com o HCB do Songo na abertura da 23ª jornada. Com três jornadas por disputar, a equipa de Carlos Manuel não quer entrar em euforias apesar de só depender dos seus resultados para conquistar o troféu que lhe foge desde 2009.

Depois do Desportivo de Nacala ter contribuído para a sua ascensão ao comando do Ferroviário de Maputo, na 10ª jornada justamente após a vitória dos nacalenses, Víctor Pontes foi demitido, e a equipa da cidade portuária do norte voltou a cruzar o destino de Carlos Manuel (Caló) desta vez colocando a sua equipa como líder isolada do Moçambola.

Diogo abriu o marcador à passagem do minuto 29, servido no centro da grande área, e atirou por entre os defensores para o poste mais longe do guarda-redes nacalense.

Depois do descanso, e após vários remates desenquadrados, o capitão Luís entrou pela defesa adversária e, perante a passividade geral, chutou, a bola ainda tabelou no guarda-redes, e só parou no fundo das redes.

Porém, Coutinho de cabeça, respondendo a um bom cruzamento da esquerda, gelou o estádio da Machava quando, no minuto 77, reduziu a desvantagem. Os fantasmas de outras épocas pairaram no vale do Infulene e Chipancala, do meio da rua, rematou para defesa atenta de Leonel. A equipa de Caló não vacilou e assegurou os três pontos que lhe valem a liderança.

“Foram apenas três pontos no dia de hoje, nada de euforias. É neste momento que temos que ter os dois pés bem assentes no chão, mais concentração, mais trabalho. Ainda há três jogos por disputar”, afirmou o treinador adjunto do Ferroviário de Maputo perspectivando as partidas que o separam do troféu, na próxima jornada contra o Chibuto em Gaza. Depois defronta a Liga Desportiva na Machava e, se vencer estes dois jogos, poderá erguer o canecão em Nampula diante do seu homónimo local.

É inegável que temos visto um outro Ferroviário sob o comando do técnico moçambicano que em 13 jornadas somou 7 vitórias e só perdeu duas partidas, uma com os bicampeões e outra com o seu homónimo da Beira.

Assinaláveis, além do bom espectáculo proporcionado em várias partidas, são também os muitos golos que o Ferroviário de Caló marcou: são 22 tentos que lhe conferem, de longe, o atributo de melhor ataque do Moçambola.

Costa do Sol travado pelo HCB

Quando o árbitro Paiva Dias apitou pela última vez no campo dos canarinhos neste sábado (19), já se antevia que a liderança assumida pela equipa de Nélson Santos na jornada 15 só iria durar mais uma noite.

O Costa do Sol, que parecia ter estofo de campeão, deixou-se enredar pela teia armada pelos representantes da província de Tete que souberam sofrer e esperar até que o capitão canarinho Dário Khan perdeu uma bola fácil na zona intermediária e Luís, após fugir aos defensores, serviu Cremildo que, mesmo pressionado, teve frieza para atirar a bola para o fundo das redes, quando faltavam oito minutos para o minuto 90.

Os canarinhos tremeram mas mostraram ainda algum estofo quando, cinco minutos depois, Rubén, após um tiro de fora da área de Lineker que o guarda-redes do HCB não segurou, aproveitou e na recarga empatou. Chegou-se a pensar que era possível dar a volta ao placar, mas já não houve tempo.

Ainda no sábado o ENH FC terá assegurado a sua manutenção no Moçambola de 2016 ao golear o 1º de Maio de Quelimane. Campira de cabeça, na sequência de um pontapé de canto, abriu o maracador no minuto 77. Kingongo emendou um cruzamento fazendo o segundo e Abílio, na transformação de uma grande penalidade, sentenciou a partida e, eventualmente, também a descida do segundo representante da província da Zambézia.

Liga e Ferroviário da Beira ainda na corrida ao título

A equipa de Zulu, depois de ter surpreendido pela positiva durante a primeira volta, entrou em queda livre e ocupa a penúltima posição do Campeonato com 25 pontos. Precisa de vencer o HCB no Songo, os também aflitos alvinegros de Maputo e termina a prova enfrentando o Desportivo em Nacala.

Na Machava os bicampeões não tiveram pontaria afinada para visar a baliza de Sozinho e não saíram do nulo com o Maxaquene. A Liga Desportiva de Maputo, ainda assim, mantém-se na corrida para o tri, a três pontos do Ferroviário de Maputo que vai receber na Matola na penúltima jornada. A equipa de Chiquinho Conde caiu para a nona posição.

Ainda na corrida para o título, e também a três pontos do líder, está o Ferroviário da Beira que no caldeirão do Chiveve goleou o Desportivo de Maputo, com um golo de Maninho e mais dois de Nelito, o segundo num lindo toque de calcanhar, que deixam os alvinegros um ponto acima da linha de despromoção.

Mas as contas do zambiano Wedson Nyirenda para levar os locomotivas do Chiveve ao seu primeiro título não são fáceis, tendo de vencer o Desportivo na cidade portuária de Nacala, depois ultrapassar os guerreiros de Gaza e, por fim, vencer os bicampeões na Matola.

Eis os resultados completos da 23ª jornada:

Costa do Sol 1-1 HCB do Songo

ENH FC 3-0 1º de Maio de Quelimane

Ferroviário da Beira 3-0 Desportivo de Maputo

Ferroviário de Maputo 2-1 Desportivo de Nacala

Ferroviário de Nacala 2-0 Chibuto FC

Maxaquene 0-0 Liga Desportiva de Maputo

Ferroviário de Quelimane 0-0 Ferroviário de Nampula

 

A classificação está assim reordenada:

CLUBES J V E D BM BS P
Ferroviário de Maputo 23 11 7 5 33 18 40
Costa do Sol 23 11 6 6 23 14 39
Liga Desportiva de Maputo 23 10 7 6 23 11 37
Ferroviário da Beira 23 11 4 8 22 17 37
ENH FC 23 9 6 8 21 22 33
Ferroviário de Nacala 23 9 6 8 16 12 33
HCB do Songo 23 8 8 7 18 16 32
Ferroviário de Nampula 23 8 8 7 15 16 32
Maxaquene 23 9 5 9 19 19 32
10º Chibuto FC 23 6 9 8 21 19 27
11º Grupo Desportivo Maputo 23 7 6 10 14 22 27
12º Desportivo de Nacala 23 6 8 9 14 23 26
13º 1º de Maio de Quelimane 23 5 10 8 15 23 25
14º Ferroviário de Quelimane 23 2 8 13 7 29 14

 

Na próxima jornada vão ser disputadas as seguintes “finais”:

HCB do Songo vs 1º de Maio de Quelimane

Desportivo de Maputo vs Costa do Sol

Desportivo de Nacala vs Ferroviário da Beira

Chibuto FC vs Ferroviário de Maputo

Liga Desportiva vs Ferroviário de Nacala

Ferroviário de Nampula vs Maxaquene

Ferroviário da Quelimane vs ENH FC

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!