Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Moçambique não vence a Austrália mas faz história estreando-se num Mundial de Futsal

Moçambique não vence a Austrália mas faz história estreando-se num Mundial de Futsal

Foto da FIFACalton, Caló, Carlão, Lamarques, Favito, Manucho, Mário, Édson, Magu, Zira, Dany, Nélson, Dino e Ricardinho não venceram a Austrália, o adversário teoricamente mais acessível no grupo D, mas na noite deste domingo(11) inscreveram o nome de Moçambique entre a elite do Futsal mundial.

Como todos os estreantes a nossa selecção entrou nervosa para a quadra do Coliseo Bicentenario, na cidade colombiana de Bucaramanga, mas apesar disso o primeiro remate à baliza foi de Favito que acertou no poste.

Aproveitando as facilidades defensivas os australianos abriram o placar aos 11 minutos por Jonathan Barrientos e, no minuto 18, Adam Cooper aumentou a vantagem. No minuto seguinte, graças a uma oferta de Dany, Greg Giovaneli fez o 3 a 0 antes do intervalo.

O descanso transfigurou a selecção moçambicana que encurralou os adversários no seu meio campo, conquistando os adeptos colombianos nas bancadas com o seu futsal, mas o golo não acontecia… até que no minuto 31 a bola chegou aos pés de Caló, no flanco esquerdo, que diante de um defesa e do guarda-redes Konstantinou colocou a bola entre as suas pernas e ela só parou no fundo das malhas, estava feito o primeiro golo de Moçambique num Mundial de Futsal.

Foto da FIFANaymo Abdul, que prognosticou que a Austrália era um adversário para vencer, tentou o tudo por tudo, tirou o guarda-redes Nélson e lançou para a quadra Carlão. O avançado mais do que ficar na baliza reforçou o ataque e dos seus pés saiu o passe para Dino fazer o 2 a 3 à passagem do minuto 34.

A pressão de Moçambique intensificou, os australianos mesmo com a nossa baliza desguarnecida não conseguiram visa-la, mas já não houve tempo para pelo menos empatar.

Na quarta-feira(14) a nossa selecção vai defrontar a Ucrânia, que na jornada inaugural foi derrotada pelo sete vezes campeão mundial, Brasil, por 3 a 1.

As chances de apuramento de Moçambique são mínimas, dos seis grupos de quatro selecções que estão a disputar o Mundial na Colômbia apuram-se para os oitavos de final os dois primeiros classificados e os quatro melhores terceiros colocados, mas estes rapazes já têm o seu nome registado na história do Futsal.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!